Aviação Easyjet quer 460 novos pilotos e recruta em Lisboa e Porto

Easyjet quer 460 novos pilotos e recruta em Lisboa e Porto

A companhia aérea quer reforçar a equipa através da contratação de 460 pilotos até ao final de Setembro. As oportunidades variam desde pilotos de cadetes em início de carreira até co-pilotos e comandantes experientes.
Easyjet quer 460 novos pilotos e recruta em Lisboa e Porto
Rita Atalaia 30 de agosto de 2018 às 15:04

A Easyjet quer reforçar a equipa através da contratação de 460 pilotos até ao final do próximo mês. A companhia aérea vai viajar pela Europa à procura de candidatos que se adequém ao perfil, nomeadamente em Portugal. A empresa estará em Lisboa e no Porto nos dias 22 e 23 de Setembro, respectivamente, num local ainda por determinar, revelou fonte oficial da empresa ao Negócios. 
 

"No ano fiscal de 2018 [que termina em Setembro], a Easyjet recrutará 460 novos pilotos para responder à procura recorde da companhia aérea pelo terceiro ano consecutivo, à medida que a sua rede europeia continua a crescer", lê-se no comunicado enviado pela companhia aérea às redacções.

 

A Easyjet refere ainda que as "oportunidades variam desde pilotos de cadetes em início de carreira até experientes co-pilotos e comandantes de outras companhias aéreas e militares".

 

A companhia exige que os candidatos tenham pelo menos 18 anos, vivam na União Europeia ou Suíça. E ainda que sejam fluentes em inglês. Os interessados deverão entrar no site da Easyjet, confirmar se o seu perfil se enquadra nas exigências da empresa e, por fim, preencher um formulário online.




pub