Aviação Perdas da TAP caem para os 111 milhões no primeiro semestre

Perdas da TAP caem para os 111 milhões no primeiro semestre

A TAP registou perdas de 111 milhões de euros, no primeiro semestre, menos 1 milhão do que o registado no homólogo, divulgou a companhia em comunicado. Fernando Pinto, presidente da empresa, mantém o objectivo de atingir resultados positivos este ano.
Perdas da TAP caem para os 111 milhões no primeiro semestre
Pedro Elias
Ana Torres Pereira 27 de agosto de 2013 às 12:15

A companhia explica que “devido à sazonalidade do seu mercado, a operação da TAP tem normalmente um desempenho mais favorável no segundo semestre, prevendo-se uma melhoria significativa para o período de Julho a Dezembro - confirmada já pelos resultados de tráfego de Julho - como, aliás, se vem verificando nos últimos anos”.

 

A transportadora explica que “a melhoria das receitas compensou um agravamento de 13 milhões de euros nas variações cambiais bem como os valores correspondentes ao pagamento aos trabalhadores de subsídios não pagos em 2012 devido às mudanças que, nesta matéria, se verificaram na Lei do Orçamento do Estado de 2013”.

 

A TAP atingiu, no primeiro semestre, um total de 974 milhões de euros na venda de passagens, o que representa um crescimento 4,4% face a período homólogo. Já o total das receitas atingiu, no final de Junho, 1.094 milhões de euros, contra 1.084 milhões de 2012, o que traduz uma melhoria de 10 milhões.

 

Para Fernando Pinto, presidente da TAP, “apesar destes impactos, a companhia continuou a melhorar os seus níveis de produtividade, mantendo-se a expectativa de atingir um resultado positivo no final do ano”.

 

Os custos, com um total de 1.112 milhões de euros, comparam com 1.098 em igual período em 2012, ou seja mais 1,2%.

 

No final de Junho, a TAP S.A. atingiu um total de 4,931 milhões de passageiros, mais 4,8% do que no ano anterior.




A sua opinião21
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado José Vasconcelos Há 3 semanas

Com as sucessivas Greves dos Pilotos, da Groundforce, etc, só podiam provocar fortes prejuízos à TAP. Agora há que atribuir responsabilidades. Os Pilotos afinal não têm direito a subscrever 10% do Capital da TAP na privatização, mas os Pliotos devem pagar mais de 500 milhões de euros à TAP por prejuízos causados pelas Greves.

comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

"a TAP financia-se juntos dos bancos tendo o estado como credor".... Mas que raio de bestialidade é esta??!?!?!... Ao menos sabem o que "credor" quer dizer?!?!?!?!??... JESUSSSSSSS (e não é do o Benfica)....

Quanto ao resto nem vale a pena dizer nada porque fazerem comentários sem estarem informados só por falar e conversa de taberna nem merecem resposta...

Só digo isto, em vez de se preocuparem com a TAP (que é SÓ o 2º MAIOR EXPORTADOR NACIONAL) e que ajuda a criar riqueza que não aparece nos Balanços mas vê-se no seu contributo para o aumento do Turismo deviam era preocupar-se com EDP's REN's e outras porcarias que foram privatizadas mas continuam a viver na mama do Estado e custam 10x mais por ano ao Zé Povinho que a TAP...

GoldFlyer Há 2 semanas

Ora ai esta a imprensa que deve viajar a borla a branquear um resultado negativo de 111 milhões com um titulo favoravel como se fosse bom ter perdido menos 1 milhão que no semestre homologo !!!

Tenham vergonha e sejam sérios na apresentação das noticias , quanto a TAP já sabemos é o costume todos os anos ou é por causa do Fuel ou é agora por causa da desvalorização do Real o que não é nunca é por culpa da gestão ou dos trabalhadores !!!

Está na hora de acabar com isto e privatizar para de uma vez por todoas acabar com a mama do erario publico .

José Carlos Há 2 semanas

Hmmm...todas as pessoas puxam a brasa à sua sardinha, mas a verdade é esta: A TAP dá prejuízo todos os anos, o que significa que:
O estado tem de injectar todos os anos dinheiro dos contribuintes na TAP.
A TAP paga demasiado aos funcionários e empresas de serviço para se manter a funcionar.
A TAP se fosse uma empresa privada a dar prejuízos, já teria diminuído os salários e principalmente PRÉMIOS pagos, caso contrário iria falir!!!! Sim, porque o que se ganha na TAP, não tem nenhuma semelhança com os salários praticados no resto do país!!!!! E pagar PRÈMIOS quando a empresa dá prejuízo...faz pensar...não é?

Anónimo Há 3 semanas

Quanto paga a TAP ao J. Negócios para esta utilizar eufemísmos no título?

ver mais comentários
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub