Transportes Vimeca abandona passe social a partir de Abril
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Vimeca abandona passe social a partir de Abril

A Vimeca já tinha ameaçado, e parece que vai concretizar, a denúncia do passe social, já a partir de Abril, avançou a "Transportes em Revista". A empresa publicou uma nota no seu "site" a informar os clientes que "denunciou, a 5 de Dezembro de 2012, a sua participação nos passes intermodais, em todos os seus tipos e modalidades, com efeitos a partir de 1 de Abril".
Alexandra Noronha 27 de janeiro de 2013 às 23:30

Segundo o mesmo aviso, depois disso a empresa deixa de aceitar o L1, L12, L123, L123SX, L123MA, L123FS, 012, 023 e 123.

A decisão da empresa prende-se com os atrasos, de dois anos no pagamento das verbas respeitantes

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais

A sua opinião6
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado País Pobre e triste 28.01.2013

Português Real: Desculpe que lhe diga mas o sr/sra. não passa de mais daqueles oportunistas que não sabem o que é andar de transportes publicos.... pois se andasse saberia que os passes socias não são só para estudantes reformados desempregados e afins também é para pessoas que tal como você desconta.Infelizmente a mim vai tocar-me na pele pois não tenho condição financeira para ir passear de carro para o trabalho tenho de ir de transportes publicos e mais uma vez o nosso governo demonstra incompetência, mas uma vez Passos desilude o seu país.....pois não compre com o devido, não paga ás empresas e depois é isto adeus passes sociais e eu trabalho, desconto fico sem este passe tenho de adquirir mais do que um gasto mais e continuo a pagar pois o passe só não vai existir para a Vimeca pois para os restantes continua....e porquê ????Porque as empresas de transporte estaduais recebem o subsidio....LOLLLL!!!!!!

comentários mais recentes
Anónimo 07.03.2013

vanho por este meio pedir que vanha outras enpresas temos direito a concurencia mais barato o que a vimeca pede e um roubo

Elsa 01.03.2013

Há por aqui Comentários que nem deviam de aparecer aqui deviam de ter vergonhaPORTUGUÊS REAL não deve ser é muito REAL ,desculpe lá eu preciso do passe L123 com Vimeca para ir TRABALHAR e a minha filha para ir ESTUDAR ainda bem para si que tem carro e ganha bem para a gasolina,e é triste que fale assim dos Velhos Reformados,pois eles trabalharam a vida toda se calhar agora podem passear não????Pois e o Sr deve comer do mesmo tacho que o Passos e já agora informolhe que os desempregados não o são por opção procuram trabalho todos os dias e precisam dos passes para se deslocarem e os Passes tanto são em Lisboa como no Porto ou outra Cidade qualquer

Anónimo 28.02.2013

queria saber qual é o passe que eu tenho que tratar já que eu tenho o passe social

Anónimo 18.02.2013

Eu gostava de saber é porque é que anda um país inteiro a pagar com impostos para subsidiar passes em Lisboa. Os coitados dos velhos no interior pagam centenas de euros para ir ao médico todos os meses, e os meninos de Lisboa recebem comparticipação do estado. Acho muito bem que se acabe com esta injustiça. Ou é para todos, ou não é para ninguém. Se não são desempregados voltem para os campos que há lá muito que fazer.

ver mais comentários
Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub