Turismo & Lazer Dona da Booking autorizada a comprar Momondo

Dona da Booking autorizada a comprar Momondo

A Comissão Europeia autorizou a Priceline a comprar a Momondo, considerando que são “geograficamente complementares”. A integração será feita com a marca Kayak.
Dona da Booking autorizada a comprar Momondo
Wilson Ledo 17 de julho de 2017 às 19:16

A americana Priceline, dona da plataforma de reservas Booking, recebeu luz verde da concorrência europeia para comprar a Momondo.


A Comissão Europeia anunciou esta segunda-feira, 17 de Julho, a sua aprovação ao negócio, considerando que os dois motores de busca de serviços de turismo são "geograficamente complementares". Nos países do norte da Europa, onde a Momondo tem uma "posição forte no mercado", a actividade da Priceline é vista como reduzida.


"Por outro lado, em países como a Alemanha e a Áustria, as marcas da Priceline têm uma posição de mercado mais forte e a Momondo mais fraca. Portanto, o fortalecimento da posição de mercado da entidade resultado da fusão no mercado da área económica europeia será limitado", justificou a Comissão Europeia em comunicado, onde concretiza ter sido notificada sobre a operação a 12 de Junho.


Bruxelas vai mais longe e acredita que a entidade que resultará desta fusão irá continuar a enfrentar a concorrência de outros operadores como Trivago, Tripadvisor, Skyscanner ou Google na comparação de preços de voos, hotéis ou carro alugado.


A Priceline anunciou em Fevereiro deste ano que queria comprar a Momondo por 550 milhões de dólares, quase 480 milhões de euros ao câmbio actual. Nessa altura era esperado que a operação estivesse fechada até ao final de 2017, depois de passar pelo crivo da concorrência comunitária.


O grupo Momondo, com sedes no Reino Unido e Copenhaga e detido actualmente pela Great Hill Partners, integra a plataforma do mesmo nome e ainda a Cheapflights, que permite comparar os preços de voos.


Ambos os serviços serão integrados na marca Kayak, que quer assim reforçar a sua imagem e negócio em território europeu. No portefólio do grupo Priceline contam-se ainda insígnias como Agoda ou Opentable, também focadas na reserva de serviços turísticos como hotéis ou restaurantes.


A Momondo, fundada em 2006, já opera para 35 países, incluindo Portugal. Longe dos 224 países e territórios a que chega o grupo Priceline, incluindo Europa, América do Norte, América do Sul, Ásia-Pacífico, Médio Oriente e África.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Johnny Há 5 dias

Quando ouço aquela gaja com voz de carneiro mal morto a dizer "mom-mom-do" imagino a gajo a engolir um karalhão de 30cm até meio da garganta enquando profere a palavra

pub
pub
pub
pub