OPV ES Saúde Institucionais garantem sucesso da OPV da Espírito Santo Saúde

Institucionais garantem sucesso da OPV da Espírito Santo Saúde

Procura pelas acções superou a oferta neste que é o último dia de subscrição dos títulos. Resultado garante o sucesso da operação que levará à colocação em bolsa da empresa liderada por Isabel Vaz.
Institucionais garantem sucesso da OPV da Espírito Santo Saúde
Marta Poppe/Negócios
Paulo Moutinho 06 de fevereiro de 2014 às 13:26

A oferta pública de venda (OPV) da Espírito Santo Saúde já garantiu a procura para a totalidade das acções, apurou o Negócios.

 

Foram colocados todos os títulos destinados a investidores de retalho. No lado dos grandes investidores, a oferta excedia, ao final da manhã, em 30% o número de acções a alienar no âmbito da operação que vai levar a empresa para a bolsa de Lisboa.

 

Até ao final do dia de ontem, o penúltimo antes de terminar o período de subscrição das acções (que é hoje), a procura pela OPV ascendia a 95% do total dos títulos destinados aos investidores de retalho. Neste segmento, a tranche do público em geral superava a oferta, mas o mesmo não acontecia à destinada aos trabalhadores. Já hoje, segundo apurou o Negócios, no total, a procura superou a fasquia dos 100% no retalho.

 

Junto dos grandes investidores, a oferta também já está totalmente colocada. A estes investidores institucionais foi alocada 80% de toda a oferta, sendo que ao final da manhã a procura ascendia a 130% do total. Ou seja, superava em 30% o número de títulos disponibilizados.

 

O Negócios não conseguiu ainda apurar em que parte do intervalo de preços da OPV (3,20 a 3,90 euros) esta procura foi registada. Este é um factor importante na definição do valor final a que as acções serão vendidas. Esse número será conhecido amanhã em Sessão Especial de Bolsa. Até ao final da sessão de hoje, quinta-feira, 6 de Fevereiro, as acções da ES Saúde ainda estão disponíveis para venda.

 

 

(Notícia actualizada com mais informação pelas 13h36)




Saber mais e Alertas
pub