Mercados 5 coisas que precisa de saber para começar o dia

5 coisas que precisa de saber para começar o dia

Hoje é um dia fértil em resultados. Por cá, a Navigator apresenta as suas contas após o fecho dos mercados e o BPI vai estar em foco na bolsa depois de ontem ter reportado os seus números. Lá fora, a banca e as tecnologias dominam as divulgações de contas. Temos ainda um evento da Apple que poderá saldar-se pela apresentação der um novo Mac, bem como a possibilidade de se poder medir o pulso à saúde das economias britânica, da Zona Euro e dos EUA.
5 coisas que precisa de saber para começar o dia
Carla Pedro 27 de Outubro de 2016 às 07:30
Navigator apresenta contas do terceiro trimestre
A ex-Portucel confessa-se esta quinta-feira ao mercado, com a divulgação dos seus números do terceiro trimestre. Os analistas do CaixaBI antecipam que a empresa de pasta e papel tenha encerrado este período de Junho a Setembro com lucros de 42,6 milhões de euros, o que corresponde a um aumento de 2,8% face ao resultado líquido do período homólogo do ano passado (e de 4,6% em comparação com o segundo trimestre). A Navigator, que é detida a 69% pela Semapa, reporta as suas contas após o fecho da bolsa.


Acções do BPI vão digerir os resultados

Os lucros do banco liderado por Fernando Ulrich aumentaram 21% nos primeiros nove meses do ano, para 182,9 milhões de euros, com a subida da margem financeira e a descida das imparidades constituídas para crédito a permitirem essa melhoria. Relativamente ao terceiro trimestre, o resultado líquido ascendeu a 77 milhões de euros, superando assim as projecções apontadas pelas casas de investimento CaixaBI e Haitong. Os títulos do BPI vão estar hoje a reagir a estes dados, já que a divulgação das contas foi feita após o fecho da sessão bolsista de quarta-feira.


Resultados na Europa com atenções centradas na banca…
Barclays, BBVA e Deutsche Bank são alguns dos bancos europeus que hoje apresentam as suas contas. As atenções vão estar centradas no banco alemão, que sofreu fortes perdas no último mês devido aos seus dissabores com a justiça norte-americana e à necessidade de mais capital. Também outros sectores estarão em destaque deste e do outro lado do Atlântico, nomeadamente o automóvel e das telecomunicações. Entre as muitas cotadas que vão confessar-se ao mercado estão a ConocoPhillips, Deutsche Boerse, Nokia, Telefónica, Volkswagen e Ford.


… e nos EUA foco vai estar nas tecnologias 

Nos Estados Unidos, as tecnologias estarão uma vez mais em evidência, com a apresentação dos resultados trimestrais da Amazon, Alphabet (dona da Google) e Twitter após o fecho das bolsas em Wall Street, às 21:00 de Lisboa. Ainda neste sector, a Apple realiza um evento chamado "Hello Again", no qual poderá, segundo a Bloomberg, apresentar novos computadores Mac, acabando assim com um período de seca na sua mais antiga categoria de produtos.    


Dados na Europa e nos EUA mostram rumo das economias

No Reino Unido é hoje divulgado o PIB do terceiro trimestre, naquele que é o primeiro dado sobre o crescimento da sua economia desde a decisão de sair da União Europeia (Brexit), tomada a 23 de Junho. Na Zona Euro serão apresentados os dados sobre a evolução da massa monetária em Setembro, ao passo que nos EUA teremos as encomendas de bens duradouros - também em Setembro. 




pub