Mercados 5 coisas que precisa de saber para começar o dia

5 coisas que precisa de saber para começar o dia

Esta terça-feira teremos mais dados económicos de relevo, especialmente na Alemanha e Reino Unido, além de mais contas trimestrais. Os juros portugueses e a evolução da bitcoin também estarão na ordem do dia.
5 coisas que precisa de saber para começar o dia
PIB na Alemanha e inflação no Reino Unido

Hoje serão divulgados mais resultados que permitem medir o pulso às economias. Na Europa, destaque para os dados do PIB alemão no segundo trimestre, bem como para a taxa de inflação no Reino Unido em Julho.

Nos Estados Unidos teremos os valores das vendas a retalho em Julho, esperando-se que tenham aumentado, muito à conta dos automóveis. Destaque ainda no Japão para a produção industrial referente a Junho.



Mais contas trimestrais em análise

Continuam a ser reportadas as contas de empresas de todo o mundo, se bem que a um ritmo mais moderado. Hoje serão divulgados os resultados do segundo trimestre da Home Depot e da Coach Inc.


Por cá, no PSI-20, falta conhecer apenas os resultados de cinco cotadas, sendo que a primeira delas – a Sonae – reporta os seus números a 24 de Agosto.



Mercado petrolífero de olho nos inventários

O Instituto Americano do Petróleo (API, que é uma entidade privada) divulga as suas estimativas para os inventários de crude na semana passada nos Estados Unidos – que serão depois comparadas com os dados oficiais, no dia seguinte, apresentados pela Administração de Informação em Energia (sob a tutela do Departamento norte-americano da Energia).


Juros de Portugal vão continuar a descer?

As 'yields" pedidas para transaccionar obrigações portuguesas a 10 anos no mercado secundário caíram ontem para o valor mais baixo desde Agosto de 2016. Acompanharam, assim, o alívio das pares do sul da Zona Euro, no dia em que o INE deu conta da estabilização do crescimento da economia no primeiro trimestre.

Os juros associados aos títulos de dívida a 10 anos – taxa de referência – chegaram a negociar nos 2,804%, um recuo de 4,9 pontos base que levou o valor a um mínimo de 16 de Agosto de 2016. No prazo a cinco anos, os juros estão em mínimos de Janeiro do ano passado.

 


Bitcoin acima dos 4.000 dólares

A especulação de que as transformações em curso na negociação de bitcoins vão acelerar as transacções está a impulsionar o valor da divisa para patamares nunca vistos.

A moeda virtual chegou ontem a disparar 17%, alcançando um novo máximo histórico, nos 4.187 dólares por unidade, perante a especulação de que as alterações em curso na negociação da criptomoeda vão acelerar a sua generalização. 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub