Mercados 5 coisas que precisa de saber para começar o dia

5 coisas que precisa de saber para começar o dia

Esta sexta-feira os mercados vão estar a reagir aos atentados da véspera na Catalunha, com os activos-refúgio a serem mais procurados. Por cá, destaque para os indicadores coincidentes do Banco de Portugal e para as previsões agrícolas relativas a Julho.
5 coisas que precisa de saber para começar o dia
Carla Pedro 18 de agosto de 2017 às 07:30
Atentados na Catalunha quebram bolsas e sustentam valores-refúgio

Os ataques terroristas de ontem em Barcelona e Cambrils ocorreram quando as bolsas europeias já tinham fechado, mas as norte-americanas ainda negociavam aquando do atentado em Barcelona e Wall Street encerrou a cair mais de 1% devido ao clima de insegurança que se intensificou.

Os investidores procuraram segurança nos chamados valores-refúgio, como o ouro, iene e franco suíço, com o metal amarelo a ganhar 0,40% ao final da noite para 1.288,68 dólares por onça.


Na sessão desta sexta-feira, as praças do Velho Continente estarão a reagir aos ataques em Espanha, sendo de prever que as acções cedam terreno em prol de activos considerados mais seguros.



INE e Banco de Portugal divulgam novos dados

Por cá, o Instituto Nacional de Estatística (INE) divulga as previsões agrícolas, relativas a Julho, bem como a síntese económica de conjuntura, também referente ao mês passado. Por outro lado, o Banco de Portugal apresenta os dados dos indicadores coincidentes.

Nos Estados Unidos, estará em foco o sentimento dos consumidores, medido pela Universidade do Michigan (resultados preliminares para Agosto).



Mais resultados trimestrais em vista

Continuam a ser reportadas as contas de grandes e pequenas cotadas em todo o mundo. No dia de hoje, o destaque vai para os resultados da fabricante norte-americana de equipamento agrícola Deere & Co. e da operadora holandesa de terminais de combustíveis Royal Vopak. 


Energia e agricultura em destaque

A Baker Hughes, fornecedora norte-americana de serviços a campos petrolíferos, divulga o relatório semanal sobre o número de plataformas de petróleo e gás nos Estados Unidos.

Por outro lado, a Comissão norte-americana de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) reporta as posições semanais nos futuros e opções por parte dos operadores.

 


Ratings da Grécia e Irlanda em foco

O calendário de eventuais revisões das notações soberanas tem vários destaques esta sexta-feira, 18 de Agosto, no que diz respeito à Europa. No entanto, recorde-se os relatórios sobre os ratings e perspectivas para as dívidas soberanas podem não ser publicados, uma vez que este agendamento é apenas indicativo.

A Fitch tem a opção de se pronunciar sobre o rating da Grécia, ao passo que a DBRS poderá anunciar decisões relativamente às classificações soberanas da Irlanda e da Bélgica. 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar