Mercados 5 coisas que precisa de saber para começar o dia

5 coisas que precisa de saber para começar o dia

Os detalhes da OPA sobre o Montepio, a pressão de que o BCP tem sido alvo e o impacto do furacão Irma estão entre os temas que prometem marcar a sessão desta segunda-feira.
5 coisas que precisa de saber para começar o dia
Sara Antunes 11 de setembro de 2017 às 07:30
Conhecidos os resultados da OPA sobre o Montepio 

A oferta pública de aquisição (OPA) sobre a Caixa Económica do Montepio terminou na última sexta-feira. Quem não vendeu vai tornar-se accionista do Montepio, mas os dados desta operação serão divulgados esta segunda-feira, 11 de Setembro, num evento na Euronext Lisbon. A liquidação da operação decorrerá um dia depois. O Montepio passará assim a ser uma sociedade anónima.



BCP sob pressão

O BCP tem estado sob os holofotes, entre perdas e ganhos avultados. No último dia da semana passada as acções dispararam 6%, depois de ter afundado mais de 12% nas quatro sessões anteriores. A determinar estes comportamentos esteve, sobretudo, o contexto europeu, nomeadamente a expectativa de que o Banco Central Europeu (BCE) mantenha as taxas de juro em mínimos por mais tempo. Os analistas acreditam que o BCP e o restante sector bancário europeu deverão continuar sob pressão.



Juros em mínimos em semana de regresso ao mercado e S&P

As taxas de juro da dívida nacional voltaram a descer na sexta-feira, tendo atingido um novo mínimo de Agosto de 2016. Isto, no dia em que o IGCP anunciou o regresso das emissões de longo prazo. Na próxima quarta-feira, 13 de Setembro, o Tesouro português espera captar até 1.000 milhões de euros, em obrigações a 10 anos. Já na sexta-feira, 15 de Setembro, será a vez de a Standard & Poor’s se pronunciar sobre o "rating" de Portugal, sendo esta a única das grandes agências de notação financeira que mantém a perspectiva para a dívida do país "estável".


Passagem do furacão Irma com impacto destrutivo

A passagem do furacão Irma fez mais de 25 mortos nas Caraíbas, tendo devastado ilhas completas. E chegou à Florida com uma intensidade de quatro, numa escala máxima de cinco. Os estragos são avultados, com previsões que apontam para valores na ordem dos 200 mil milhões de dólares. As companhias aéreas cancelaram quase 11 mil voos, as acções das seguradoras reagiram ainda na semana passada, registando fortes quedas, e o preço do sumo de laranja disparou nos mercados.

 


Investidores esperam por lançamentos da Apple

Será na terça-feira que a Apple vai apresentar os novos iphone. E, numa cerimónia onde se comemorará também o 10.º aniversário do iphone, a empresa da maçã deverá apresentar o modelo "premium", cujo preço deverá ascender a 1.000 dólares. Os analistas consideram que o preço dos equipamentos é fundamental para as contas da empresa.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar