Mercados A semana dia-a-dia: Resultados marcam ritmo na bolsa

A semana dia-a-dia: Resultados marcam ritmo na bolsa

O BCP apresenta as suas contas do terceiro trimestre, esta segunda-feira. Mas também as cotadas do grupo Sonae o fazem. Além disso, o Tesouro nacional realiza mais um leilão.
A semana dia-a-dia: Resultados marcam ritmo na bolsa
Raquel Godinho 12 de novembro de 2017 às 19:00
Segunda-feira BCP presta contas ao mercado
A semana arranca com a apresentação de resultados por parte do BCP. O banco liderado por Nuno Amado deverá ter terminado os primeiros nove meses do ano com lucros de 137,5 milhões de euros, o que compara com prejuízos de 251,1 milhões de euros obtidos no mesmo período de 2016, de acordo com as estimativas do Caixa BI. Contudo, outras empresas vão divulgar resultados, esta semana. A Sonaecom também o fará esta segunda-feira, a Sonae na quarta-feira e a Sonae Capital na quinta-feira.

Segunda-feira Relatórios sobre o mercado petrolífero

Os preços do petróleo vivem uma série muito positiva. Completaram a quinta semana consecutiva de ganhos, o que já não acontecia desde Outubro de 2016. A impulsionar a matéria-prima tem estado sobretudo a incerteza política na Arábia Saudita, devido à operação anticorrupção. Mas, esta semana, também deverão ter impacto nos preços os relatórios mensais sobre o mercado petrolífero divulgados pela OPEP (segunda-feira) e pela AIE (terça-feira).

Terça-feira Dados da Zona Euro em destaque
Esta terça-feira, são vários os indicadores da Zona Euro a ser publicados. Será divulgada a produção industrial, em Setembro, que se prevê tenha recuperado. Será ainda conhecida uma nova estimativa do produto interno bruto (PIB), do terceiro trimestre. Segundo as estimativas dos economistas da Bloomberg, a economia terá crescido 2,5%. Além disso, será revelado o índice Zew, que mede a confiança dos investidores alemães, em Novembro.
 

Quarta-feira Portugal financia-se a curto prazo
A agência que gere a dívida pública nacional vai voltar a emitir dívida de curto prazo na próxima quarta-feira. O objectivo é financiar até 1.500 milhões de euros num duplo leilão. O IGCP vai realizar dois leilões das linhas de bilhetes do Tesouro com maturidades em 18 de Maio de 2018 e 16 de Novembro de 2018. Na semana passada, o Tesouro foi ao mercado financiar-se a 10 anos, com a taxa de juro a situar-se nos 1,939%, a mais baixa de sempre numa emissão a 10 anos. 

Quinta-feira Indicadores nos EUA em foco

Do outro lado do Atlântico, serão vários os indicadores publicados nos próximos dias. Na quinta-feira, como habitual, serão conhecidos os pedidos de subsídio de desemprego, na semana passada. E será ainda divulgado o índice de preços na importação e exportação. Por último, está prevista a publicação da produção industrial, em Outubro. As estimativas dos economistas consultados pela Bloomberg apontam para um aumento de 0,5%, que supera o avanço anterior de 0,3%.
 

Sexta-feira Moody's avalia "rating" da Arábia Saudita
A semana termina, como habitual, com a possibilidade de as agências de "rating" se manifestarem sobre alguns países. Esta prevista a revisão da notação da Arábia Saudita por parte da Moody's. A Arábia Saudita tem estado em destaque, na última semana, devido à operação anticorrupção que tem estado a decorrer. O comité anticorrupção iniciou uma purga sem precedentes, envolvendo a detenção de príncipes, ministros, antigos responsáveis políticos e empresários.