Mercados A sua semana dia-a-dia: As minutas da Fed, o G20 e os dados do desemprego

A sua semana dia-a-dia: As minutas da Fed, o G20 e os dados do desemprego

A divulgação de dados do desemprego, a cimeira do G20 e as minutas da Fed estarão em destaque. A agitar os mercados nos próximos dias estarão ainda vários discursos de membros da Fed e do BCE.
A sua semana dia-a-dia: As minutas da Fed, o G20 e os dados do desemprego
Patrícia Abreu 02 de julho de 2017 às 18:55
Segunda-feira Desemprego deverá ter estabilizado na Zona Euro em Maio
A taxa de desemprego na Zona Euro deverá ter permanecido inalterada em 9,3%, em Maio. Este é um importante termómetro para perceber se a economia europeia continua a recuperar, numa semana em que serão também conhecidos os números relativos à criação de emprego nos EUA. Segundo estimativas divulgadas pelo INE no final da semana passada, a taxa de desemprego deverá ter baixado em Portugal, em Maio, para 9,4%.

Segunda-feira
 Membro da Fed discursa no Banco de Inglaterra

Alguns dias depois de a presidente da Reserva Federal dos EUA, Janet Yellen, ter alertado que alguns preços dos activos nas bolsas estão elevados, outro membro da instituição, James Bullard, realiza um discurso numa conferência promovida pelo Banco de Inglaterra, sobre política macroeconómica.

Terça-feira Mercados fechados nos EUA devido ao dia da Independência

As bolsas norte-americanas encontram-se encerradas, devido à celebração do Dia da Independência. A negociação nos mercados financeiros mundiais deverá ser, assim, mais reduzida, isto num momento em que a volatilidade voltou a aumentar nas bolsas mundiais.
 
Quarta-feira
 Minutas da Fed deixam indicações sobre taxas de juro no país
A Fed divulga as minutas relativas à reunião de política monetária, que decorreu nos dias 13 e 14 de Junho. Este documento surge depois de a instituição ter decidido avançar com uma nova subida de juros neste encontro, colocando a sua taxa de referência num intervalo entre 1% e 1,25%. As minutas poderão deixar novas indicações sobre mexidas futuras na taxa dos fundos federais.

Quinta-feira Membros do BCE discutem futuro do euro
Depois do discurso de Mario Draghi ter incendiado os mercados financeiros, dois membros da instituição, Jens Weidmann e Ewald Nowotny, discutem o futuro do euro, no banco central da Áustria. Os investidores estarão particularmente atentos a estes discursos, na tentativa de obter novas indicações sobre a política de estímulos na Zona Euro.

Sexta-feira EUA divulgam taxa de desemprego em Junho
Esta semana, serão conhecidos dados relativos à criação de emprego nos EUA. Além do relatório da ADP sobre a criação de emprego e da divulgação da evolução do número de horas trabalhadas no país, será conhecida a taxa de desemprego, em Junho. Actualmente, a taxa está em 4,3%. Uma evolução positiva nestes indicadores dará argumentos à Fed para prosseguir com o seu processo de normalização das taxas.

Sexta-feira
 Trump, Merkel e Putin encontram-se no G20

Começa em Hamburgo o encontro de dois dias do G20. No evento estarão presentes os principais líderes mundiais, como a chanceler Angela Merkel, o presidente dos EUA, Donald Trump e o presidente russo, Vladimir Putin. A reunião servirá de palco para se debaterem temas como o comércio, as alterações climáticas e a migração.



A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub