Bolsa Amazon supera os 1.000 dólares pela primeira vez na história

Amazon supera os 1.000 dólares pela primeira vez na história

As acções da Amazon quebraram a barreira dos 1.000 dólares pela primeira vez na história e ganharam esta corrida à Google, que também está perto desta marca.
Amazon supera os 1.000 dólares pela primeira vez na história
DR/Adam Matan
Sara Antunes 30 de maio de 2017 às 15:28

O sector tecnológico continua em destaque nas bolsas americanas, mantendo a tendência de ganhos que impera este ano. E ainda que as oscilações não sejam muito acentuadas nesta sessão de terça-feira, 30 de Maio, a Amazon já tocou em níveis nunca antes vistos e superou mesmo os 1.000 dólares por acção.

 

Os títulos da Amazon sobem 0,31% para 998,86 dólares, mas já tocaram nos 1001,20 dólares, vencendo assim a "disputa" contra a Alphabet, que detém o Google. Desde o início do ano, a Amazon acumula já um ganho de 33,15%.

 

E não está sozinha. A Alphabet negoceia nos 996,94 dólares (acções de classe A), muito próxima dos 1.000 dólares, e acumula um ganho de 25,8% este ano. As acções da dona do motor de busca têm também atingido máximos históricos.

Outra tecnológica em destaque tem sido o Facebook. Apesar de estar longe dos 1.000 dólares, tem vindo a atingir máximos históricos, em torno dos 153 dólares.

 

Estes ganhos têm ditado a subida do Nasdaq, índice americano que agrega cotadas tecnológicas, para níveis também nunca vistos, acumulando desde o início do ano uma valorização superior a 15%. Esta subida compara com o ganho de cerca de 6,5% do Dow Jones e de menos de 8% do S&P500.

 

O Wall Street Journal realça que as chamadas acções FANG – Facebook, Amazon, Netflix e Alphabet – estão a exercer um peso cada vez maior no mercado bolsista. Estas quatro cotadas são responsáveis por cerca de 7,5% do valor de mercado do S&P500, contra 3% há três anos, segundo o Bespoke Investment Group, citado pelo jornal americano. 


A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo Há 3 semanas

Já tinham? Quantas mocas lá meteram? Espera-se que muitas. Parabéns a quem investe e muitos parabéns a quem investe bem.

comentários mais recentes
Anónimo Há 3 semanas

Já tinham? Quantas mocas lá meteram? Espera-se que muitas. Parabéns a quem investe e muitos parabéns a quem investe bem.

pub