Bolsa Apostas na queda das acções do BCP em mínimos de Agosto
Assinatura Digital. Negócios Primeiro Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE

Apostas na queda das acções do BCP em mínimos de Agosto

As posições curtas no capital do banco estão abaixo dos 4%, de acordo com os dados da CMVM, o que não acontecia desde Agosto do ano passado.
Apostas na queda das acções do BCP em mínimos  de Agosto
Miguel Baltazar/Negócios
Raquel Godinho 28 de janeiro de 2018 às 23:19

O BCP foi, nos últimos anos, um dos títulos preferidos pelos "hedge funds" (fundos de cobertura de risco) para apostar na queda. Mas, nas últimas semanas, esse investimento começou a diminuir. No final da semana passada, o )

Assinatura Digital. Negócios Primeiro
Para ler tudo faça LOGIN ou ASSINE
Análise, informação independente e rigorosa.
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo,
nas empresas, nos mercados e na economia.
  • Inclui acesso ao ePaper, a versão do Negócios tal como é impresso em papel. Veja aqui.
  • Acesso ilimitado a todo o site negocios.pt
  • Acesso ilimitado via apps iPad, iPhone, Android e Windows
Saiba mais



A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Variação % de Shorts, Confissões de um Short Luso Há 3 semanas

Estou à vontade para falar:
por razões de inibição sentimental, nunca fui short em Terra Lusa,
embora seja um emulo nos investimentos shorts, de Fernão Mendes Pinto, o corsário dos 7 mares,
quando o alvo não são títulos Portugueses.
O que me leva amiúde a ser Short ?
A consciência que é útil aos Mercados e não é eticamente censurável,
e a convicção que a melhor estratégia em Bolsa
é sempre o aproveitamento de enviesamentos:
no caso, o facto dos Humanos, moldados na luta pela sobrevivência,
conferirem cerca de 2 vezes mais relevância
ao risco de perdas, do que à probabilidade de ganhos !
Tal faz com que, a persistência nos movimentos de baixa,
(e, portanto, a precisão das previsões)
seja muito superior nas baixas do que nas altas.
E é tal realidade que é hoje a mais aproveitada pelos Shorts
(e não tanto a exploração de previsões via análise fundamental),
e que será o principal fator explicativo
das flutuações da % de shorts em relação a determinado título,
no caso, o Amado BCP.

comentários mais recentes
SONAE CAPITAL Há 3 semanas

A única cotada com nota 10 , no ps-20, dividendos 10 cêntimos por ação , uma rentabilidade de cerca de 10% ao ano, é a única que se preocupa em criar valor aos seus acionistas, com os novos investimentos, estão criadas condições para uma boa aposta nesta cotada .

Variação % de Shorts, Confissões de um Short Luso Há 3 semanas

Estou à vontade para falar:
por razões de inibição sentimental, nunca fui short em Terra Lusa,
embora seja um emulo nos investimentos shorts, de Fernão Mendes Pinto, o corsário dos 7 mares,
quando o alvo não são títulos Portugueses.
O que me leva amiúde a ser Short ?
A consciência que é útil aos Mercados e não é eticamente censurável,
e a convicção que a melhor estratégia em Bolsa
é sempre o aproveitamento de enviesamentos:
no caso, o facto dos Humanos, moldados na luta pela sobrevivência,
conferirem cerca de 2 vezes mais relevância
ao risco de perdas, do que à probabilidade de ganhos !
Tal faz com que, a persistência nos movimentos de baixa,
(e, portanto, a precisão das previsões)
seja muito superior nas baixas do que nas altas.
E é tal realidade que é hoje a mais aproveitada pelos Shorts
(e não tanto a exploração de previsões via análise fundamental),
e que será o principal fator explicativo
das flutuações da % de shorts em relação a determinado título,
no caso, o Amado BCP.

Notícias só para Assinantes
Exclusivos, análise, informação independente e credível. Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia. Inclui acesso à versão ePaper.
Mais uma forma de ler as histórias
da edição impressa do Negócios.
Se ainda não é Assinante Saiba mais
pub