Bolsa Apple pesa nas tecnologias mas S&P 500 regressa aos recordes

Apple pesa nas tecnologias mas S&P 500 regressa aos recordes

As bolsas norte-americanas encerraram em alta, com o Standard & Poor’s 500 a marcar um novo máximo histórico pela segunda sessão consecutiva.
Apple pesa nas tecnologias mas S&P 500 regressa aos recordes
Reuters
Carla Pedro 13 de setembro de 2017 às 21:11

O Dow Jones encerrou a sessão desta quarta-feira a somar 0,18% para 22.158,18 pontos.

 

Também o Standard & Poor’s 500 ganhou terreno, fechando a valorizar 0,08% para 2.498,37 pontos, o que constituiu um novo recorde de fecho e, simultaneamente, um novo máximo histórico.

 

Por seu lado, o índice tecnológico Nasdaq Composite avançou 0,09% para se estabelecer nos 6.460,18 pontos.

 

A Apple voltou a pesar nas tecnologias, ao fechar em baixa pela segunda sessão consecutiva. Isto depois de ontem a empresa da maçã ter apresentado os seus novos produtos: uma versão actualizada do Apple Watch e três novos modelos do ícone iPhone, o 8, o 8 Plus e o X, que estará à venda por 999 dólares.

 

Apesar da euforia em torno dos novos produtos da tecnológica de Cupertino liderada por Tim Cook, o facto de o iPhone X só chegar aos EUA em Novembro desiludiu o mercado, tendo a Apple cedido hoje 0,75% para 159,65 dólares.

 

A recente tendência altista em Wall Street também gera alguns receios junto dos investidores mais cépticos, que estão a procurar protecção nos chamados valores-refúgio para se precaverem contra um eventual movimento de queda.




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub
pub
pub
pub