Obrigações Austrália realizou a sua maior venda de obrigações de sempre

Austrália realizou a sua maior venda de obrigações de sempre

O Governo australiano levantou mais de 5,1 mil milhões de euros numa colocação de dívida a 30 anos. Esta é a maior venda de obrigações realizada por este país.
Austrália realizou a sua maior venda de obrigações de sempre
reuters
Ana Laranjeiro 12 de Outubro de 2016 às 08:30

A Austrália realizou a sua maior venda de obrigações de sempre. De acordo com a Bloomberg, o governo deste país da Oceânia vendeu 7,6 mil milhões de dólares australianos – mais de 5,1 mil milhões de euros no câmbio actual – numa emissão de dívida a 30 anos.

A agência australiana de gestão financeira, citada pela agência de informação, revelou que os títulos com maturidade em Março de 2047 foram colocados com uma taxa de juro de 3,27%.  


A Austrália decidiu levantar capital nesta altura para aproveitar o facto de as taxas de juro terem recuado para mínimos históricos este ano. Ainda que, Camberra, de acordo com a agência de informação, enfrente a maior sequência de défices orçamentais desde a década de 1970. As expectativas para passagem para uma situação de excedente têm sido adiadas pelas autoridades.

"O montante [desta colocação de dívida] foi ligeiramente acima do esperado mas demonstra boa procura", disse à Bloomberg Roger Bridges, da Nikko Asset Management na Austrália.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Eduardo dos Santos Há 3 semanas

TAXIS-Vejo aqui um beco sem saida - o governo não sabe o que fazer e os táxis ainda menos sabem. Uma coisa eu sei, o governo tem de entrar na contenda porque os táxis dão receita e a uber parece que não dá nada e isso não pode ser .passem todos para as plataformas

pub