Bolsa BCP dispara quase 10% em dois dias

BCP dispara quase 10% em dois dias

O BCP já acentuou a tendência de ganhos, elevando para mais de 9% a subida em dois dias. A contribuir para o comportamento tem estado o pedido da Sonangol para elevar a sua posição além dos 20%.
BCP dispara quase 10% em dois dias
Sara Antunes 11 de novembro de 2016 às 14:49

O BCP está a subir esta sexta-feira, 11 de Novembro, 6,80% para 1,257 euros, elevando para 9,30% a subida nos últimos dois dias.

 

Este comportamento está relacionado sobretudo com a possibilidade de a Sonangol elevar a sua participação no capital do banco liderado por Nuno Amado para mais de 20%.

 

A Sonangol, que tem 17,44% do BCP, pediu autorização ao Banco Central Europeu para superar a barreira dos 20% do banco liderado por Nuno Amado, tal como o Negócios noticiou na quarta-feira. O objectivo da petrolífera angolana é ficar com a possibilidade de reforçar a sua posição na instituição, numa altura em que a Fosun se prepara para ficar com uma participação de até 30% do banco.

 

Apesar de ter feito o pedido ao BCE, ainda não é certo que a Sonangol reforce a sua posição no capital do BCP, até porque a petrolífera está a passar por um processo de reestruturação, destinado a cortar custos e a concentrar a empresa na sua actividade principal. Este processo limita a capacidade financeira da Sonangol, sobretudo para investir fora do sector petrolífero. Aliás, chegou a estar em cima da mesa a transferência dos 17,84% que a empresa tem no BCP para o Ministério das Finanças angolano, o que acabou por não acontecer.

 

Já a entrada da Fosun estará por dias. Os accionistas do BCP estiveram reunidos esta quarta-feira, tendo sido adiada a votação do ponto que determinava o aumento do limite de votos de 20% para 30% à espera que estejam reunidas todas as condições para a entrada dos chineses.

 

O desempenho positivo dos títulos segue depois do banco ter anunciado uma deterioração dos resultados. O BCP obteve prejuízos de 251,1 milhões de euros nos primeiros nove meses do ano, num resultado que compara com o lucro de 264,5 milhões de euros alcançado no mesmo período de 2015. Especificamente no terceiro trimestre, o resultado foi negativo na ordem dos 53,8 milhões de euros.




A sua opinião15
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 11.11.2016

Fosun falha entrada no BCP é para isto q esta cotada se prepara...ordem de compra activa €0,75 até 21 de novembro.
-Quanto maior a subida, maior a queda. Rifão popular.
Amado é reiteradamente um mentiroso.

comentários mais recentes
JOM 12.11.2016

Caro anónimo, os meus comentários reflectem o que realmente penso que vai acontecer. Tenciono entrar na 2 feira. Só não fiz antes por não ter tido disponibilidade financeira. Sigo as minhas convicções, e pese embora nem sempre confirmadas, não me tenho dado mal. Só entra quem quer.

JOM 12.11.2016

Boa noite. Caro anónimo, vamos ver quem temzão. Para a semana nua
Podemos falar com factos.

Anónimo 12.11.2016

Caro Jom você deve ser mais um dos muitos entalados do BCP(incluindo eu), seja homenzinho e assuma as perdas, n venha para aqui enganar os incautos para existirem mais entalados cm nós. Até o Amado já desistiu desse poço sem fundo (q é o BCP), está de saída para a Caixa Geral de Depositos. Fique em paz!

JOM 12.11.2016

Só mais uma nota. O mercado já descontou no BCP, um total prejuízo da participação no fundo de resolução que acudiu ao Novo Banco. Contudo o prejuízo não vai ser total, mas sim na ordem dos 60%. Só isto terá um impacto positivo de pelo menos 15% na ação

ver mais comentários
pub