Bolsa BCP e Galp mantêm ganhos do PSI-20

BCP e Galp mantêm ganhos do PSI-20

O PSI-20 valoriza quase 0,5%, enquanto na Europa, os principais índices dividem-se entre ganhos e perdas ligeiras. Por cá, as subidas do BCP, Galp, Navigator e Altri são as que mais animam o índice português.
BCP e Galp mantêm ganhos do PSI-20
Miguel Baltazar/Negócios
Rita Faria 24 de Novembro de 2016 às 12:36

A bolsa nacional segue em terreno positivo esta quinta-feira, 24 de Novembro, com o PSI-20 a somar 0,42% para 4.445,53 pontos, depois de ter interrompido ontem uma série de quatro sessões consecutivas de ganhos.

Das 18 empresas que formam o principal índice português, oito estão em alta, sete em queda e três inalteradas.

Na Europa, os índices bolsistas dividem-se entre ganhos e perdas pouco acentuadas, com os ganhos do retalho e da energia a contrabalançarem as perdas no sector das telecomunicações e ‘utilities’. Isto num dia marcado por uma baixa liquidez no mercado, devido à comemoração do dia de Acção de Graças nos Estados Unidos, em que os mercados norte-americanos estarão encerrados.

O índice de referência para a Europa, o Stoxx600, desce 0,02% para 340,69 pontos.

Na bolsa nacional, o BCP e a Galp Energia são as empresas que mais animam o PSI-20. O banco liderado por Nuno Amado soma 1,36% para 1,191 euros, enquanto o BPI e o fundo do Montepio seguem inalterados em 1,128 euros e 43,2 cêntimos, respectivamente.

Já a Galp Energia ganha 0,83% para 12,735 euros, numa altura em que o petróleo segue em alta ligeira nos mercados internacionais. Ainda na energia, a EDP sobe 0,07% para 2,702 euros e a EDP Renováveis desce 0,15% para 6,00 euros.

A contribuir para a subida do PSI-20 estão também a Navigator e a Altri, depois de o Haitong ter melhorado a avaliação das duas empresas. O banco de investimento subiu a recomendação para as acções da Altri de ‘neutral’ para ‘comprar’ e o preço-alvo para 4 euros devido ao "fortalecimento do dólar e aos sinais de que os preços da pasta de papel possam ter atingido os mínimos", afirma Nuno Estácio, analista do Haitong na nota a que o Negócios teve acesso. Os títulos valorizam 3% para 3,54 euros.

Para a Navigator, o Haitong manteve a recomendação de comprar e aumentou o preço-alvo em 11% para 4,20 euros. As acções ganham 2,47% para 2,826 euros.

Do lado das descidas, destacam-se a Nos e a Mota-Engil. A operadora cai 0,18% para 5,532 euros e a construtora recua 1,5% para 1,573 euros.




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
investidor Há 1 semana

NAVIGATOR, DIVIDENDOS 0.61 EUROS, TARGET, 4.80 EUROS ,POTENCIAL, MAIS DE 50%, BOA APOSTA,

Anónimo Há 1 semana

queria um incompetente destes comprar o NOVO Banco, nem contas de somar sabe fazer o triste incompetente, o dinheiro para pagar os cocos já o destruiu e o que entrou agora vai desaparecer , tudo o que ele apanha destroi, este garoto deve ir paRA O SANATORIO, que ele queima tudo o que é dinheiro.

pub