Câmbios Bitcoin sobe 15% e recupera de queda abrupta

Bitcoin sobe 15% e recupera de queda abrupta

A bitcoin está a subir pela primeira vez em seis sessões, registando uma valorização de 15%. Ainda assim, insuficiente para anular a descida acumulada neste período.
Bitcoin sobe 15% e recupera de queda abrupta
Negócios com Bloomberg 26 de dezembro de 2017 às 15:35

A bitcoin está a subir 15,23% para cerca de 15,86 mil dólares por unidade, recuperando assim das quedas acentuadas registadas nas cinco sessões anteriores. Naquele período, esta criptomoeda desvalorizou mais de 26%.

 

A queda recente da criptomoeda mais conhecida do mundo esteve relacionada com alguns alertas deixados por diversas entidades e responsáveis, como o caso do governador do Banco do Japão, Haruhiko Kuroda, que na semana passada defendeu que a bitcoin não está a funcionar como um meio normal de pagamento, mas antes a ser utilizada para especulação.   

 

A contribuir para a queda recente deste activo esteve também a subida expressiva nos últimos tempos. Apesar desta descida, a bitcoin continua a acumular um ganho superior a 1.500% desde o início do ano. E desde 15 de Novembro mais do que duplicou o seu valor.

 

"A questão mais importante a enfrentar é se a recente correcção de preços será o que os participantes do mercado chamam de ‘saudável’", escreveu Mohammed El-Erian, numa coluna da Bloomberg View, esta terça-feira. Por outras palavras, se será uma correcção que sacudirá a "exuberância excessiva e irracional, possibilitará a entrada de investidores institucionais, estimulará o desenvolvimento de produtos que aprofundem o mercado e ampliará e equilibrará a base de investidores e a oferta de produtos", afirmou.