Bolsa Bolsa nacional cai arrastada pela energia

Bolsa nacional cai arrastada pela energia

A bolsa nacional iniciou mais uma sessão em queda, numa altura em que o sector da energia é determinante para o comportamento.
A carregar o vídeo ...
Sara Antunes 29 de dezembro de 2017 às 08:07
O PSI-20 recua 0,12% para 5.362,30 pontos, numa altura em que 11 cotadas seguem em queda, cinco em alta e duas inalteradas. Entre os congéneres europeus a tendência também é de quedas ligeiras, num período marcado pela ausência de notícias e de muitos investidores do mercado devido à época festiva. Ainda assim, os investidores aguardam hoje pela divulgação da inflação na Alemanha e reflectem na negociação a marcação das eleições em Itália para 4 de Março.

A contribuir para a queda da bolsa nacional está o sector da energia, com a EDP a recuar 0,17% para 2,875 euros, a EDP Renováveis a ceder 1,30% para 6,70 euros, a REN a perder 0,33% para 2,453 euros e a Galp Energia a cair 0,19% para 15,525 euros. 

Já o BCP trava a queda do índice, ao subir 0,30% para 0,271 euros, assim como os CTT, que apreciam 0,46% para 3,50 euros.

A Jerónimo Martins também está a subir 0,28% para 16,18 euros, contribuindo assim para uma queda menor da bolsa nacional. 

Esta é assim a sexta queda consecutiva na bolsa nacional. Ainda assim, o balanço do ano é positivo, com o PSI-20 a subir quase 14,5%, uma subida bastante superior à valorização de 7,8% registada pelo Stoxx600, o índice que agrega as 600 maiores cotadas europeias.

(Notícia actualizada com mais informação)