Bolsa Bolsa nacional começa semana a recuperar apoiada pela energia

Bolsa nacional começa semana a recuperar apoiada pela energia

A praça lisboeta iniciou a semana a negociar em terreno positivo, recuperando parte das perdas acumuladas em quatro sessões seguidas em queda. Sector da energia, BCP e Jerónimo Martins impulsionam neste início de sessão.
Bolsa nacional começa semana a recuperar apoiada pela energia
Bruno Simão/Negócios
David Santiago 26 de junho de 2017 às 08:06
O PSI-20 abriu a sessão desta segunda-feira, 26 de Junho, a ganhar 0,33% para 5.218,02 pontos, com 13 cotadas a negociar em alta, duas em queda e quatro inalteradas. A bolsa nacional está assim a recuperar parcialmente das perdas acumuladas em quatro sessões consecutivas a perder valor, o que, na passada sexta-feira, atirou o principal índice nacional para mínimos de um mês. Também na Europa o sentimento é positivo, com a generalidade das principais praças do velho Continente a transaccionarem em alta.

A apoiar os ganhos do PSI-20 está o sector energético, com a Galp Energia a ganhar 0,69% para 13,205 euros, isto numa altura em que o preço do barril de petróleo segue a valorizar acima de 1% em Londres e também em Nova Iorque. 

Nota também para os ganhos do grupo EDP, com a EDP a somar 0,20% para 2,977 euros e a EDP Renováveis a crescer 0,13% para 6,97 euros. Ainda neste sector, a REN abriu a sessão a subir 0,14% para 2,804 euros. 

Ainda a impulsionar a bolsa lisboeta está o sector do retalho, com a Jerónimo Martins a apreciar 0,49% para 17,55 euros, e a Sonae a crescer 0,43% para 0,937 euros.

Destaque ainda para o BCP que começou o dia a valorizar 0,56% para 0,2327 euros, para os CTT a somarem 0,38% para 5,59 euros e para a Navigator a apreciar 0,56% para 3,954 euros.

Fora do PSI-20 merece destaque o sector dos media, com a Impresa a ganhar 4,27% para 0,415 euros, com a dona da SIC e do Expresso a negociar em máximos de Março de 2016 no sexto dia seguido a valorizar, e a Cofina (dona do Negócios e do Correio da Manhã) a somar 0,76% para 0,398 euros.

Estas subidas acontecem numa altura de movimentações no sector, isto depois de a Altice ter confirmado "interlocuções exploratórias" para a aquisição da Media Capital

(Notícia actualizada às 8:15)



A sua opinião12
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Criador de Touros Há 8 horas

Obviamente que o comentário anterior com o meu nome não é meu. Cumprimentos ao Artista, Nova Lisboa e restantes amigos e bons negócios para todos !!...

BCP a 0.50 É já em JULHO Há 11 horas

O SANTANDER vai comprar 33% do MILENIUM BCP e VAI TORNAR - SE o MAIOR ACIONISTA DO MILENIUM BCP no dia 1 de jullho

CULTIVEM - SE leiam o exº sr ULISSES PEREIRA Há 11 horas

A nossa bolsa vai SER LIGADA Á CORRENTE TRIFASICA ESPERA - NOS o maior CRESCIMENTO do SÉCULO o MILELINIUM BCP vai QUINTUPLICAR ainda este ANO ACORDEM e COMPREM enquanto ainda ESTÁ nestes preços RIDICULOS

Rumo ao 33 Há 13 horas

O BCP está a fazer o seu caminho desde os 0,14€ do Aumento de Capital. Se o Doutor Nuno Amado, em quem confio, conseguir apresentar os resultados que tem no seu plano, acredito que haverá muitas alegrias para os acionistas, mas não nos livramos de um ou outro contratempo como na semana passada.

ver mais comentários
pub