Bolsa Bolsa sobe à boleia do BCP

Bolsa sobe à boleia do BCP

A bolsa nacional segue em alta, ainda a beneficiar da revisão do "rating" por parte da S&P. A Galp segue em destaque, no dia em que desconta o dividendo intercalar que vai distribuir aos seus accionistas.
A carregar o vídeo ...
Sara Antunes 19 de setembro de 2017 às 08:05
O PSI-20 está a subir 0,11% para 5.288,70 pontos, numa altura em que 13 cotadas seguem em alta, três em queda e duas inalteradas. Entre os congéneres europeus a tendência de arranque de sessão é de quedas ligeiras.

Esta e a oitava sessão consecutiva de ganhos no principal índice nacional, algo que já não acontecia desde Julho de 2016.

Ontem a sessão foi marcada por subidas pronunciadas, sobretudo devido à saída de "lixo" do rating de Portugal, por parte da Standard & Poors, o que animou a negociação bolsista e levou os juros associados à dívida nacional para mínimos do final de 2015.

Este cenário prolonga-se, com a taxa de juro implícita na dívida a 10 anos a recuar 4,2 pontos base para 2,393%, o que corresponde ao valor mais baixo desde 3 de Dezembro de 2015.

Esta terça-feira, o BCP, que já ontem registou fortes ganhos, segue a subir 0,88% para 0,2285 euros.

Destaque para a Galp Energia que está a descer 1,29% para 14,195 euros, no dia em que desconta o dividendo intercalar de 25 cêntimos por acção, que a petrolífera vai distribuir aos seus accionistas pelo exercício deste ano. Se não fosse este ajuste técnico, as acções da Galp estariam a subir 0,46%.

Ainda no sector da energia, a EDP soma 0,30% para 3,299 euros, enquanto a EDP Renováveis cai 0,24% para 7,077 euros. A REN também contribui para a subida do índice ao apreciar 0,32% para 2,804 euros. 

No sector da pasta e papel o dia também está a ser positivo, com a Navigator a subir 0,03% para 3,961 euros, depois de ontem ter sido alvo de um research do BPI onde a casa de investimento elevou a avaliação da empresa. 

(Notícia actualizada com mais informação)