Bolsa Bolsas dos EUA atingem novos máximos em semana de resultados na banca

Bolsas dos EUA atingem novos máximos em semana de resultados na banca

O Nasdaq e o Dow Jones já atingiram novos recordes, numa altura em que os investidores se prepararam para os resultados dos grandes bancos.
Bolsas dos EUA atingem novos máximos em semana de resultados na banca
Reuters
Rita Faria 09 de outubro de 2017 às 14:38

Os principais índices norte-americanos abriram em alta esta segunda-feira, 9 de Outubro, com os investidores a direccionarem o seu foco para os resultados dos grandes bancos, cuja apresentação começa esta semana. O Nasdaq e o Dow Jones estão mesmo em novos máximos históricos.

 

O Nasdaq, em alta pela décima sessão consecutiva, sobe 0,10% para 6.596,81 pontos enquanto o Dow Jones ganha 0,03% para 22.781,46 pontos. O S&P500, que interrompeu na sexta-feira uma série de oito sessões de subidas, avança 0,08% para 2.551,46 pontos, muito próximo do valor mais alto de sempre.

 

Os principais índices norte-americanos acompanham, desta forma, o optimismo que marca a negociação na Europa, devido ao alívio dos receios relacionados com a Catalunha.

 

Atribuindo a queda do emprego anunciada na semana passada aos furacões que atingiram os Estados Unidos, responsáveis da Reserva Federal norte-americana reiteraram, na sexta-feira, que as taxas de juro vão subir gradualmente no país.

 

De acordo com a Reuters, o mercado aponta para uma probabilidade de 86,7% de a Fed anunciar um novo aumento já em Dezembro.

 

Dois dos maiores bancos dos Estados Unidos, o JP Morgan e o Citigroup, apresentam os seus resultados trimestrais na quinta-feira, enquanto na sexta-feira é a vez do Bank of America e Wells Fargo. As estimativas da Reuters antecipam um crescimento dos lucros, nesta época de resultados, de 4,9%, abaixo das subidas de dois dígitos verificadas nos primeiros dois trimestres. 

As acções da Viacom descem 4,57% para 25,86 dólares depois de o Citigroup ter cortado a recomendação para "vender" e o preço-alvo para 24 dólares. Já a Medtronic desliza 2,83% para 77,55 dólares depois de a empresa ter avançado que os resultados serão penalizados pelo furacão Maria. 

 




A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
pub