Bolsas asiáticas recuperam de mínimos de seis meses
21 Maio 2012, 07:43 por Patrícia Abreu | pabreu@negocios.pt
Enviar por email
Reportar erro
0
As bolsas asiáticas recuperaram depois do primeiro-ministro chinês ter adiantado que o país se vai focar mais no crescimento
As praças asiáticas estiveram hoje a recuperar de mínimos de seis meses, depois do primeiro-ministro chinês ter adiantado que a China se vai focar mais em impulsionar o crescimento.

O japonês Nikkei subiu 0,32% para 8.639,22 pontos, enquanto o índice MSCI Ásia Pacífico avançava 0,4% para os 113 pontos, depois de ter tombado 2,5% na última sessão, para o valor mais baixo desde 10 de Novembro.

A determinar os ganhos das praças asiáticas estão as palavras do líder do governo chinês, que assegurou que o país se vai focar mais no crescimento, deixando antever que poderá aliviar a política monetária, depois da inflação ter abrandado o ritmo de subida.

A China Overseas Land & Investment subiu 2,3%, enquanto a CSR, fabricante chinesa de comboios, ganhou 6,6%, depois do 21 Century Business Heral ter reportado que o ministério das linhas de ferro conseguiu uma linha de crédito de mais de dois biliões de yuan (316 mil milhões de dólares).

Entre as mineiras, a BHP Billiton apreciou 1,6%, depois da casa de investimento RBC Capital Markets ter adiantado que a companhia poderá fazer um programa de recompra de acções.

Enviar por email
Reportar erro
0
pesquisaPor tags:
alertasPor palavra-chave: