Research BPI baixa "target" da Nos para 6,40 euros

BPI baixa "target" da Nos para 6,40 euros

O BPI baixou a sua avaliação para as acções da Nos, colocando o novo preço-alvo em 6,40 euros. Maior pressão dos custos com os conteúdos desportivos justificam revisão em baixa.
BPI baixa "target" da Nos para 6,40 euros
Miguel Baltazar/Negócios
Patrícia Abreu 17 de Outubro de 2016 às 10:52

O BPI reviu em baixa a sua avaliação para as acções da Nos em trinta cêntimos, para 6,40 euros, mantendo a recomendação de "neutral". O banco de investimento decidiu descer o preço-alvo da operadora, depois de ter actualizado as suas estimativas para empresa, prevendo uma desaceleração do crescimento das receitas e do EBITDA, devido à maior pressão nos custos devido aos conteúdos desportivos.


O banco de investimento baixou as suas estimativas para as receitas e para o EBITDA, apontando que o EBITDA deverá "desacelerar materialmente no terceiro trimestre". O analista Pedro Oliveira explica que este será o primeiro trimestre a incorporar parte dos custos associados aos conteúdos de futebol, o que deverá implicar pressão no lado dos custos.

Para tentar minimizar o impacto da factura com os custos associados aos contratos realizados com os clubes de futebol, para garantir os direitos de transmissão dos jogos de equipas como o Benfica e o Sporting, a Nos já avisou que irá subir o preço dos seus serviços. Ainda assim, os analistas baixaram as suas expectativas para a empresa.

"Cortámos a nossa estimativa para o EBITDA em 2,1%, em média, para o período entre 2017 e 2019, na medida em que o impacto dos conteúdos será provavelmente mais forte do que inicialmente esperado", escreve o BPI. Uma revisão em baixa que levou o banco de investimento a cortar a sua avaliação para as acções da operadora.

Apesar da descida, o novo "target" continua a conferir um potencial de subida aos títulos. Face à cotação actual (5,823 euros), a avaliação do BPI confere uma margem de progressão de 9,9% às acções.

O banco de investimento nota, porém, que a geração de fluxos de caixa deverá continuar a crescer nos próximos anos. No entanto, o BPI diz que isto já está descontado nos títulos e refere que companhia poderá ser alvo de revisões em baixa de estimativas a curto prazo, colocando pressão nos títulos da operadora liderada por Miguel Almeida.

Nota: A notícia não dispensa a consulta da nota de "research" emitida pela casa de investimento, que poderá ser pedida junto da mesma. O Negócios alerta para a possibilidade de existirem conflitos de interesse nalguns bancos de investimento em relação à cotada analisada, como participações no seu capital. Para tomar decisões de investimento deverá consultar a nota de "research" na íntegra e informar-se junto do seu intermediário financeiro.




A sua opinião8
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Dinheiro roubado, povo na miseria Há 3 semanas

Esta NOS é uma vergonha, meteram este palhaço sem escrupulos (testa de ferro), lavam dinheiro ROUBADO aos angolanos.

O boy testa de ferro dos corruptos Há 3 semanas

Será que qualquer filho da puuta se vende por dinheiro? Dignidade (angola passa fome)?

Anónimo Há 3 semanas

UPGRADE COFINA: beneficia da conjuntura fiscal,tem 12,5 M€ de dívidas fiscais,totalmente provisionadas, e com garantia de ações Cofina Media, e terá redução no perdão fiscal.Hoje soube-se q após 2017 quando houver decisão favorável às empresas em Tribunal 1ª instância, as garantias são levantadas.

Ciifrão Há 3 semanas

Assim também eu era analista, fazendo prognósticos no fim do jogo.

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub