Bolsa CaixaBank vai manter BPI cotado na Euronext Lisboa

CaixaBank vai manter BPI cotado na Euronext Lisboa

O CaixaBank vai manter o BPI cotado, mesmo que a OPA sobre o banco de Fernando Ulrich tenha sucesso. Anúncio da oferta reafirma esta intenção.
CaixaBank vai manter BPI cotado na Euronext Lisboa
Paulo Duarte/Negócios

O CaixaBank vai manter o BPI cotado na Euronext Lisboa, independentemente do desfecho da oferta pública de aquisição (OPA) sobre a instituição.

 

"É intenção do oferente que a sociedade visada continue a ter as acções admitidas à negociação em mercado regulamentado após a liquidação da oferta", refere o anúncio de lançamento da OPA, publicado esta segunda-feira, 16 de Janeiro, no site da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

 

No limite, caso passe a controlar mais de 90% do BPI na sequência da OPA, o CaixaBank admite lançar uma oferta potestativa sobre o remanescente capital do banco. Mas também está em cima da mesa "não utilizar" esta possibilidade. Neste cenário, "cada um dos titulares das acções remanescentes do BPI pode, nos três meses subsequentes ao apuramento dos resultados da oferta (…) exercer o direito de alienação potestativa", refere o prospecto da operação.

 

No entanto, a instituição liderada por Gonzalo Gortázar não pretende "requerer a perda da qualidade de sociedade aberta da sociedade visada, mantendo-se, nesse caso, as acções da sociedade visada admitidas à negociação no Euronext", adianta ainda o anúncio da operação.



A sua opinião0
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
Saber mais e Alertas
pub