Research CaixaBI sobe preço-alvo da Navigator para 4,90 euros

CaixaBI sobe preço-alvo da Navigator para 4,90 euros

O comportamento mais positivo do que o esperado e a melhoria das estimativas para os preços da pasta levaram o CaixaBI a rever em alta o preço-alvo para as acções da Navigator, atribuindo-lhes um potencial de subida de cerca de 30%.
CaixaBI sobe preço-alvo da Navigator para 4,90 euros
Bloomberg
Rita Faria 29 de junho de 2017 às 18:10

O CaixaBI subiu o preço-alvo para as acções da Navigator de 4,60 para 4,90 euros, para incorporar as estimativas mais optimistas para os preços da pasta, que já subiram 25% desde o início do ano. A recomendação mantém-se em "comprar".

Tendo em conta a cotação de fecho desta quinta-feira, de 3,758 euros, a nova avaliação traduz um potencial de valorização de 30,4%.

Na nota de análise, os analistas do CaixaBI explicam que, apesar do aumento do volume no mercado, os preços da pasta estão fortes e assim deverão continuar nos próximos trimestres.

"Desafiando as expectativas, o corrente ano está a ser muito melhor do que o previsto no que diz respeito aos preços da pasta. No final de 2016, o mercado esperava que os preços continuassem sob pressão devido ao que parecia ser uma procura mais fraca por parte da China" e ao aumento da capacidade na Indonésia e Brasil, refere a unidade de investimento da Caixa Geral de Depósitos.

No entanto, as expectativas não se confirmaram, e os preços aumentaram "substancialmente". "Desde o início de 2017, os preços da pasta branqueada registaram uma das recuperações mais rápidas de que há registo e estão agora próximos de máximos de quatro anos", acrescentam.

O CaixaBI lembra ainda que a Navigator é uma das suas acções preferidas em Portugal, devido ao sólido balanço da empresa, à grande eficiência operacional, à forte geração de ‘cash flow’ e à distribuição de dividendos robustos.

"O resultado é uma empresa que beneficia de uma perspectiva positiva a curto e médio prazo em termos de preços da pasta e papel, e continua a ser uma excelente fonte de rendimentos", conclui a nota de análise.

Na sessão desta quinta-feira, as acções da Navigator desceram 2,59% para 3,758 euros. 

Nota: A notícia não dispensa a consulta da nota de "research" emitida pela casa de investimento, que poderá ser pedida junto da mesma. O Negócios alerta para a possibilidade de existirem conflitos de interesse nalguns bancos de investimento em relação à cotada analisada, como participações no seu capital. Para tomar decisões de investimento deverá consultar a nota de "research" na íntegra e informar-se junto do seu intermediário financeiro.




A sua opinião4
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
tretas 29.06.2017

Estes hoje levaram uma grande abada, devem estar atascados na Portucel, e vem com esta treta, de avaliacao,

ESTA NAO PEGA, 29.06.2017

CURIOSO , ESTES SENHORES VIERAM LOGO COM ESTA NOTICIA QUANDO DESCEU MAIS DE 2.5%, , SE VIREM OS GRAFICOS DOS ANOS ATERIORES, ESTA EMPRESA DESCE LOGO APOS OS DIVIDENDOS, SEGUNDA FEIRA,MENOS 11 CENTIMOS, AJUSTE DA COTACAO, DERIVADO AO DIVIDENDO,

Anónimo 29.06.2017

Espero que elas subam até aos 3.60€.

Punitor 29.06.2017

Só é caçado nesta quem for burro...

pub