Bolsa Crédit Suisse reforça na Pharol para mais de 2%

Crédit Suisse reforça na Pharol para mais de 2%

O banco suíço aumentou a sua posição no capital accionista da operadora liderada por Palha da Silva, passando a deter uma participação qualificada.  
Crédit Suisse reforça na Pharol para mais de 2%
Pedro Elias/Negócios
Carla Pedro 26 de maio de 2017 às 19:35

O Crédit Suisse Group reforçou, através de empresas por si controladas, a sua posição na Pharol, de 1,68% para 2,23%, informou em comunicado à CMVM a operadora liderada por Palha da Silva.

 

O banco suíço passou a deter esta participação qualificada a 22 de Maio, data em que elevou para 896.512.500acções o número total de direitos de voto.

 

Recorde-se que entretanto o BCP já vendeu a totalidade da posição na Pharol. O banco liderado por Nuno Amado detinha 6,17% da antiga Portugal Telecom (PT SGPS), mas comunicou que a 23 de Maio deixou de ter qualquer posição na empresa liderada por Palha da Silva.

 

Essa posição do BCP foi adquirida pela High Bridge Unipessoal (detida pela Atlantis Global Investments), que passou assim a ser accionista de referência da operadora.

 

Hoje, na assembleia geral anual de accionistas, o CEO da Pharol disse que a operadora ainda não conseguiu "apurar" a origem da High Bridge, mas sublinhou que a empresa não olha para novos investidores como "inimigos escondidos atrás de uma árvore".

 

Na sessão desta sexta-feira, a Pharol encerrou a perder 1,85% para 0,265 euros. 


A sua opinião10
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Re2: Tereza economista Há 4 semanas

Eu também agradeço todas os seus comentários Sr.ª Tereza sobre a Pharol+OI! Têm sido muito úteis e assertivos! Tudo o resto é só má educação e ruído! O meu desde já MUITO OBRIGADO!

Re: Tereza economista Há 4 semanas

Não ligue a insultos e outras faltas de educação de gente que por aqui "escreve"... continue nos informando sempre que possa sobre a Pharol+OI! A esmagadora maioria agradece, acredite! De resto, à muito tempo que não resta qualquer duvida que algo em grande vai acontecer com a Pharol+OI! Obrigado!

silva Há 4 semanas

Todos sabem o que o Tanure fez com a Telecom Italia e France Telecom, ele fará o mesmo com a oi, pharol e se conseguir com a Altice. È um tubarão que caça em silencia e camuflado.

Tereza economista Há 4 semanas

Há um mês dizia isso nesta pagina e fui bastante insultada. O Nelson Tanure é o sr que se segue, tem comprado muitas empresas assim em todo o Mundo.
http://www.telesintese.com.br/nelson-tanure-comprador-na-bacia-das-almas-atras-da-oi/

ver mais comentários
pub
pub
pub
pub