Bolsa Dow Jones soma e segue em território de recordes

Dow Jones soma e segue em território de recordes

As bolsas norte-americanas encerraram em terreno positivo, com o Dow Jones a marcar sucessivos máximos históricos e de fecho. A sustentar estiveram sobretudo os títulos tecnológicos.
Dow Jones soma e segue em território de recordes
Reuters
Carla Pedro 07 de agosto de 2017 às 21:17

O Dow Jones continua em território nunca antes explorado. Esta segunda-feira terminou a somar 0,12% para 22.118,56 pontos, estabelecendo assim o seu 9.º recorde consecutivo de fecho.

 

Além disso, na negociação intradiária o Dow fixou um novo máximo histórico, nos 22.121,15 pontos – sendo já o 35.º este ano. O índice sobe há 11 sessões consecutivas, a mais longa série de ganhos deste ano.

 

Também o Standard & Poor’s 500 e o tecnológico Nasdaq fecharam em alta, apesar de manterem os seus máximos históricos fixados no passado dia 27 de Julho.

 

O S&P 500 encerrou a ganhar 0,16% para 2.480,91 pontos e o Nasdaq Composite avançou 0,51% para se fixar nos 6.383,77 pontos.

A impulsionar a negociação estiveram sobretudo os títulos tecnológicos e consumíveis de escritório, que contrabalançaram as perdas no sector petrolífero decorrentes da queda dos preços do crude nos mercados internacionais.

Os bons resultados económicos divulgados na semana passada continuam também a animar os investidores. Foram criados mais postos de trabalho do que o estimado, no mês passado nos EUA, e a taxa de desemprego caiu para 4,3%.

 

Além disso, o rendimento das famílias norte-americanas aumentou, o que reforçou a confiança na economia norte-americana – dando à Reserva Federal mais um motivo para proceder a uma terceira subida dos juros de referência este ano.




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Só a nossa bolsa ESTÁ a DORMIR 07.08.2017

CORTEM A CABEÇA aos shorts para que a NOSSA BOLSA voe como as OUTRAS