Bolsa Forte queda da Galp dita descida da bolsa

Forte queda da Galp dita descida da bolsa

A bolsa nacional iniciou o dia em queda, penalizada pela descida abrupta da Galp Energia (7%). Entre os congéneres europeus a tendência é de ganhos.
Forte queda da Galp dita descida da bolsa
Bruno Simão/Negócios
Sara Antunes 01 de novembro de 2017 às 08:06
O PSI-20 segue a perder 0,30% para 5.458,99 pontos, numa altura em que 10 cotadas estão a subir, quatro a cair e quatro inalteradas. Entre os congéneres europeus a tendência é de ganhos.

Na bolsa nacional é a Galp que mais dita o rumo da bolsa, depois de ter arrancado o dia a cair 7,05% para 14,835 euros.

Do lado oposto, e a renovar máximos de Abril de 2015, está a Mota-Engil ao subir 0,58% para 3,468 euros.

As acçõe dos CTT, que ontem anunciaram um corte de 10 cêntimos no dividendo e uma descida dos lucros dos primeiros nove meses do ano de 57%, ainda não trocaram acções. 

Quem revelou também os seus resultados após o fecho do mercado foi a Semapa, tendo reportado um aumento de 9% dos lucros para 78,1 milhões de euros. As acções desta holding estão a subir 0,79% para 17,30 euros.

A travar a queda da bolsa está ainda o BCP, ao subir 0,27% para 0,2572 euros, bem como a Jerónimo Martins, que avança 0,19% para 15,63 euros, e a Sonae SGPS, que aprecia 0,19% para 1,03 euros.

(Notícia actualizada com mais informação)