Bolsa Galp e EDP impulsionam bolsa nacional

Galp e EDP impulsionam bolsa nacional

A bolsa nacional iniciou o dia em alta, pela primeira vez em cinco dias, conseguindo assim acompanhar a tendência positiva que impera no resto da Europa.
Sara Antunes 15 de Novembro de 2016 às 08:06
O PSI-20 sobe 0,35% para 4.386,03 pontos, com 12 cotadas em alta, três em queda e três inalteradas. Entre os congéneres europeus a tendência também é de ganhos, com os investidores a reflectirem essencialmente os resultados de cotadas, como a Vodafone, cujos números superaram as estimativas.

A bolsa nacional segue assim em alta, pela primeira vez em cinco sessões.

A contribuir para o ganho desta terça-feira, está a Galp, que sobe 1,04% para 11,62 euros, numa altura em que os preços do petróleo estão a registar fortes subidas. O Brent, negociado em Londres e referência para Portugal está a avançar 1,73% para 45,20 dólares por barril, depois de ter sido noticiado que os membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) estão a fazer um esforço diplomática de forma a conseguirem implementarem o corte de produção já acordado com o objectivo de estabilizar os preços desta matéria-prima. 

No sector da energia, a EDP também se destaca, ao subir 0,99% para 2,663 euros, depois de ter sido revelado que António Mexia, e outro administrador da eléctrica, reforçaram a sua posição no capital da empresa na semana passada. Já a EDP Renováveis cede 0,07% para 5,90 euros.

Em alta estão também os CTT, ao subirem m1% para 6,253 euros.

Na banca, o BPI sobe 0,09% para 1,13 euros, enquanto o BCP está estável nos 1,25 euros, depois de na semana passada ter registado fortes ganhos, a beneficiar das notícias que deram conta do interesse da Sonangol em reforçar a sua posição no capital do banco liderado por Nuno Amado para mais de 20%.

(Notícia actualizada com mais informação)



A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

Olha a bolsa já a recuar bastante. Já esteve a ganhar mais de 1% hoje. O que dá ganhos ao psi 18 hoje foi o resultado do pib ter subido. Só um louco entra na bolsa agora. Vem aí a terceira guerra mundial. Isto está a compor-se para isso. Vamos todos pelo ar. CUroka tu com as tuas acções ainda mexes? Até andas de lado né? Prejuízos atras de prejuízos. Teu IRS para o ano será uma desgraca rapaz. Mas estas a acertar numa coisa, graves crises econômicas. Foge CUroka. Por isso não tens aparecido aqui. Ainda tens Impresa?

pub