Bolsa Galp sobe mais de 3% e impulsiona bolsa

Galp sobe mais de 3% e impulsiona bolsa

A bolsa nacional já acentuou a tendência de ganhos, a beneficiar sobretudo da subida acentuada da Galp, que está a acompanhar o sector, numa altura em que o petróleo está a disparar mais de 6% com expectativa de acordo na reunião da OPEP.
Galp sobe mais de 3% e impulsiona bolsa
Miguel Baltazar/Negócios
Sara Antunes 30 de Novembro de 2016 às 10:58

O PSI-20 sobe 0,98% para 4.458,33 pontos, com 15 acções em alta e três em queda. A bolsa nacional está a acompanhar a tendência do resto da Europa, num dia em que é o sector petrolífero que está em destaque, devido à subida acentuada dos preços do petróleo.

 

O Brent, negociado em Londres e referência pata Portugal, está a disparar 6,88% para 49,57 dólares, no dia em que decorre a reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP). O secretário-geral do cartel disse, de acordo com o Marketwatch, que haverá um acordo sobre o corte de produção no encontro desta quarta-feira, 30 de Novembro, o que justifica a subida acentuada.

 

Esta subida da matéria-prima está a fazer com que as acções da Galp estejam a avançar 3,89% para 12,69 euros.

 

A tendência é de ganhos generalizados na praça lisboeta, com excepção da Mota-Engil, Nos e BPI. A construtora perde 0,52% para 1,516 euros, a operadora de telecomunicações cai 0,17% para 5,343 euros, enquanto o BPI cede 0,09% para 1,128 euros.

 

De resto, todas as cotadas estão a subir.

 

A EDP aprecia 0,85% para 2,733 euros e a EDP Renováveis valoriza-se 0,78% para 6,035 euros.

 

O BCP avança 0,15% para 1,177 euros e as unidades de participação do Montepio crescem 0,46% para 0,433 euros.




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
ABCDEF1 Há 2 dias

Amaldiçoados sejam os motas e os engiles.

investidor Há 2 dias

ATENÇÃO , aos pequenos investidores ,onde eu estou incluído, cuidado com o mercado secundário, muito lixo abunda por aí, comprei no ps-20 , como Navigator, uma Empresa sólida, exportadora, investidoram , paga bons dividendos, o segredo é saber esperar.

Anónimo Há 2 dias

Então a Inapa faz uma aquisição em França, expande o negócio e afunda. Sim senhor, bela lógica.
Se tivesse entrado em PER como a Soares da Costa e outras que tais, disparava 20%.
É isto a nossa bolsa.

pub