Bolsa Jerónimo Martins sobe mais de 1% e sustenta bolsa

Jerónimo Martins sobe mais de 1% e sustenta bolsa

A bolsa nacional fechou a sessão em alta, a acompanhar a evolução das congéneres europeias. A Jerónimo Martins destacou-se, com uma subida superior a 1%.
Jerónimo Martins sobe mais de 1% e sustenta bolsa
Miguel Baltazar/Negócios
Sara Antunes 16 de agosto de 2017 às 16:40
O PSI-20 subiu 0,31% para 5.259,68 pontos, com 10 cotadas em alta, sete em queda e duas inalteradas. A bolsa nacional acompanhou assim a tendência das congéneres europeias, que continuam a recuperar das quedas causadas pelos receios em torno do escalar de tensões entre os EUA e a Coreia do Norte. Com a redução de ameaças recíprocas, os investidores voltaram ao mercado de acções, considerado de maior risco e deixaram para trás os activos de refúgio, como o ouro ou o franco suíço.


Esta sessão será ainda marcada pela divulgação das minutas da última reunião da Reserva Federal (Fed). Já se sabe o que foi decidido, mas os investidores procuram pistas sobre o futuro para perceberem se haverá um novo aumento do preço do dinheiro nos EUA ainda este ano.

 

Por cá, a contribuir para a subida da bolsa nacional esteve a Jerónimo Martins, que apreciou 1,44% para 16,90 euros. Já a Sonae SGPS, dona dos supermercados Continente, fechou estável nos 0,98 euros.

O sector da energia também ajudou, com a EDP a ganhar 0,32% para 3,174 euros e a EDP Renováveis a subir 0,56% para 6,864 euros, depois de esta manhã ter sido revelado que a empresa liderada por João Manso Neto tem um novo contrato para a venda da energia eólica produzida nos Estados Unidos. É um projecto a longo prazo, cumprindo assim uma estratégia da empresa do grupo EDP.

A Galp Energia apreciou 0,47% para 13,95 euros, numa altura em que os preços do petróleo seguem estável. O barril do Brent, negociado em Londres e referência para Portugal, está a ceder 0,02% para 50,79 dólares.

 

Do lado das quedas, destaque para os CTT, que perderam 0,94% para 5,385 euros, no dia em que foram alvo de uma nota de análise do JPMorgan, onde a casa de investimento manteve a avaliação de 5,50 euros e elevou a recomendação para "neutral". Na nota o JPMorgan diz que a desvalorização recente dos títulos da empresa portuguesa indica que o mercado se está a preparar para um corte de dividendos. Desde o início do ano, os CTT já acumulam uma queda de 16,45%. Entre os 19 títulos que compõem o PSI-20 só quatro acumulam quedas desde o início do ano. Quedas essas que oscilam entre 1,54%, da Nos, e 2,02% da Altri. 


(Notícia actualizada às 16:46 com mais informação)




A sua opinião45
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado MASSA BRUTA 16.08.2017

BOAS TARDES PESSOAL AMIGO
A ESPERA IMPACIENTE PELA OPA DO MONTEPIO, PARA O DINHEIRO CHEGAR A MINHA CONTA BANCARIA
CUIDADO PESSOAL PARA QUEM TEM AÇÕES,OU PENSA ENTRAR, QUE O SENTIMENTO MUNDIAL E DE GUERRA, QUE PODERÁ SURGIR DE UM MOMENTO PARA O OUTRO, INFELIZMENTE.
SOMOS GOVERNADOS POR MALUCOS.
CUMPRIMENTOS E BONS NEGOCIOS SE FOR O CASO.

comentários mais recentes
Carp Diem 17.08.2017

Criador de Touros és um paneleiro assumido e copo leite! Não largas a braguilha do Massa Bruta! Estás mesmo apaixonado! Queres apanhar no rabiosque com o sardão, pois é a única conclusão que se tira dos teus ridiculos escritos ao dirigir-te a ele no tom em que o fazes! Deixa de ser panasca!

Carp Diem 16.08.2017

Massa Bruta o significado da expressão" Vulpem pilum mutare, non mores"
significa
A raposa muda de pêlo, mas não de costumes.
Tu como mudas de nick (fazendo-te passar por quem não és), mas toda a gente sabe que és tu! Aprende grande ignorante!

Carp Diemc 16.08.2017

Gosto mais de ver o Massa Bruta transmutado de menina Maria Amélia pois esses tiques tipicamente femininos assentam-lhe bem, e revelam uma realidade indesmentível!

Carp Diem 16.08.2017

O Massa Bruta não tem originalidade nenhuma, limita-se a transcrever os comentários que lhe são dirigidos para os outros! É um energúmeno!

ver mais comentários