Crédito Juros dos cartões de crédito voltam a descer no próximo trimestre

Juros dos cartões de crédito voltam a descer no próximo trimestre

As taxas de juro aplicadas nos cartões de crédito vão voltar a descer no último trimestre do ano, atingindo um novo mínimo.
Juros dos cartões de crédito voltam a descer no próximo trimestre
Sara Antunes 07 de setembro de 2017 às 15:49

As taxas de juro máximas que as instituições financeiras vão poder cobrar no crédito ao consumo vão sofrer poucas alterações no quarto trimestre, de acordo com a informação enviada pelo Banco de Portugal esta quinta-feira, 7 de Setembro.

 

No caso dos créditos pessoais para destinos como a educação, saúde ou energia, a taxa máxima que poderá ser aplicada manter-se-á nos 5,5%. Já nos outros créditos pessoais a taxa passará dos actuais 14,1% para os 13,8%.

 

No crédito automóvel, as taxas máximas permitidas nas operações de ALD ou locação financeira serão de 5,1%, no caso dos veículos novos, e de 6,3%, nos veículos usados, o que também corresponde a descidas face ao trimestre actual. Já no caso dos créditos com reserva de propriedade as taxas permanecerão nos 9,8% e nos 12,3% para veículos novos ou usados, respectivamente.

 

Os cartões de créditos e as facilidades de descoberto bancário voltam a registar uma descida, passando para uma taxa máxima de 16,1%, quando actualmente podem ascender a 16,4%. Cenário idêntico é o observado nas ultrapassagens de crédito. Estas taxas são as mais baixas desde que o Banco de Portugal passou a determinar as taxas máximas do crédito (2010).




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado Anónimo 07.09.2017

Um dia de juros dos cartões corresponde a um ano de juros de um depósito a prazo.
Ou seja, a taxa de juro dos cartões é 365 vezes a taxa de um depósito.
I S T O É Q U E EU G O S T A V A Q U E D I S S E S S E M.

Depois vêm queixar-se que estão endividados. Ganhem juízo.

comentários mais recentes
Anónimo 07.09.2017

Um dia de juros dos cartões corresponde a um ano de juros de um depósito a prazo.
Ou seja, a taxa de juro dos cartões é 365 vezes a taxa de um depósito.
I S T O É Q U E EU G O S T A V A Q U E D I S S E S S E M.

Depois vêm queixar-se que estão endividados. Ganhem juízo.

Johnny 07.09.2017

Cheguei a ter 10 cartões de credito e pagar juros de meia-moite.
Era um escravo não mãos desses cães
Hoje tenho ZERO cartões de credito e sinto-me livre !

pub