Trading Mais de 1,8 milhões de onças de ouro negociados num minuto

Mais de 1,8 milhões de onças de ouro negociados num minuto

Ninguém tem certezas sobre o que aconteceu, os especialistas especulam sobre se foi alguém que avaliou mal o seu investimento ou simplesmente um erro que provocou a negociação de 18.149 lotes em apenas um minuto no Comex, esta segunda-feira dia 26 de Junho, em Nova Iorque.
Mais de 1,8 milhões de onças de ouro negociados num minuto
Dario Pignatelli/Bloomberg
Mariana Adam 27 de junho de 2017 às 13:51

Em apenas 60 segundos foram registadas transacções de 1,8 milhões de onças de ouro. Um valor anormalmente elevado - maior que a totalidade das reservas de ouro da Finlândia -, que não foi sequer atingido aquando do Brexit ou da vitória de Donal Trump – altura em que os investidores procuraram refúgio neste metal precioso.

 

Ninguém tem certezas sobre o que aconteceu, os especialistas especulam sobre se foi alguém que avaliou mal o seu investimento ou simplesmente um erro que provocou a negociação de 18.149 lotes (um lote equivale a 100 onças) em apenas um minuto no Comex, esta segunda-feira dia 26 de Junho, em Nova Iorque.

Na hora seguinte a liquidez baixou para apenas 2.334 lotes transaccionados. A forte negociação apenas num minuto fez com que o ouro tivesse atingido mínimos de mais de um mês (17 de Maio) ao cair 1,6%, para 1.236 dólares a onça.

O metal precioso segue hoje a recuperar e os traders defendem que esta subida não deverá significar um novo fôlego para o mercado que tem estado semi-adormecido, disseram à Bloomberg alguns analistas.

 

A volatilidade do ouro caiu em Abril para o valor mais baixo dos últimos 10 anos e tem-se mantido estável apesar da instabilidade política na Europa, o aumento das taxas de juros dos EUA e as crescentes tensões entre os EUA e a Coreia do Norte.

Ross Norman, diretor executivo da Sharps Pixley Ltd, um revendedor de metais preciosos com sede em Londres, escreveu numa nota que "uma negociação de 18.149 onças seria típica, mas de 18.149 lotes de um contrato de futuros não é", ou seja "isto faz-nos admitir que um jovem pode ter confundido 'onças' e 'lotes'", concluiu.


"Ninguém faz ideia quem foi o infeliz que pressionou o botão errado", disse David Govett, director de negociação de metais preciosos no Marex Spectron Group em Londres, sobre o exponencial aumento do volume, admitindo que comércio automatizado pode exacerbar este movimentos. O aumento do uso da negociação feita através de um algorítmico tem sido culpado por movimentos extraordinários nos mercados financeiros, conhecidos como flash crashes.


Conheça mais sobre as soluções de trading online da DeGiro.