Mercados Nomura: Se tem dólares, venda

Nomura: Se tem dólares, venda

O banco de investimento defende que a moeda norte-americana está no início de um ciclo de quedas.
Nomura: Se tem dólares, venda
Mariana Adam 13 de setembro de 2017 às 13:26

O Nomura acredita que o dólar está no primeiro ano de um novo ciclo de fraqueza, que se pode arrastar durante alguns anos. O maior banco de investimento do Japão, e um dos maiores do mundo, diz que o principal motivo para esta queda é o cenário político em Washington, mas não é o único.

O Nomura lembra que Donald Trump tem até meados de Dezembro para negociar um aumento do tecto da dívida dos Estados Unidos e defende que este tema vai ser alvo de preocupação para os investidores até ao final do ano. Sem este aumento, o governo federal fica impedido de se financiar nos mercados e de cumprir algumas obrigações financeiras. Um cenário que provavelmente penalizaria o rating de crédito daquele país.

Mas o problema não é ‘apenas’ o tecto da dívida. "A Administração e o Congresso terão que enfrentar as consequências dos furacões Harvey e Irma, a reforma tributária, a Coreia do Norte, a DACA (sigla em inglês para Acção Diferida para as Chegadas Durante a Infância – ou seja o programa que protege os jovens imigrantes ilegais da deportação -  e, possivelmente, a investigação de Mueller (sobre eventuais ligações entre a campanha de Trump e o governo russo) ", escreve o Nomura numa nota revelada esta quarta-feira, 13 de Setembro, lembrando que o Senado e a Câmara só vão estar em exercício efectivo 30 dias até ao final do ano.

A situação política e os ganhos recentes do iene e do euro, que segundo o banco de investimento vão continuar até ao final do ano, são razões para o Nomura avisar os seus clientes que está na hora de largar o dólar. "Pensamos que o euro pode chegar a 1,25 ou mais nos próximos meses, e USD / JPY pode cair para 100-105", diz. A relação dólar/iene está hoje nos 110.10 e o par euro/dólar em 1.1976.

Conheça mais sobre as soluções de trading online da DeGiro.




Saber mais e Alertas
pub