Petróleo OPEP cumpriu 90% das metas pela primeira vez na história

OPEP cumpriu 90% das metas pela primeira vez na história

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) nunca tinha conseguido cumprir tanto as metas definidas pelos seus membros como em Janeiro, revela a Agência Internacional de Energia (AIE).
OPEP cumpriu 90% das metas pela primeira vez na história
Ramzi Boudina/Reuters
Sara Antunes 10 de fevereiro de 2017 às 10:49

A OPEP conseguiu um recorde: cumprir 90% das metas por si fixadas. Este "feito" foi alcançado em Janeiro, mês marcado pela implementação do corte de produção acordado entre os países membros de forma a fazerem subir os preços da matéria-prima nos mercados internacionais.

 

A AIE revelou assim um recorde de cumprimento de metas por parte da OPEP, conseguido muito devido à redução de produção da Arábia Saudita que reduziu a produção a um ritmo superior ao acordado.


A OPEP "parece ter tido um início sólido" de um processo que deverá prolongar-se por seis meses, adianta a AIE, citada pela Bloomberg. "O primeiro corte é, claramente, um dos maiores da história da OPEP."

 

Os 11 países que compõem a OPEP implementaram um corte de produção de 1,12 milhões de barris petróleo por dia para um total de 29,93 milhões, em Janeiro. A Arábia Saudita cumpriu 116% das metas fixadas para si, adianta a mesma fonte.

 

O barril do Brent, negociado em Londres e referência para Portugal, apreciou 52% em 2016, depois de três anos consecutivos de quedas. Este ano, o barril de Brent regista uma descida de 0,98%, valendo pouco mais de 56 dólares.


A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
E os Stocks de Crude? 10.02.2017

De pouco vai servir o facto de terem cumprido com 90% das metas se os stocks de crude não começarem a descer de forma significativa.
Até julho vamos andar nesta conversa de que estão a cumprir as metas mas quando se verificar que os stocks mundiais pouco ou nada se reduzem, o preço volta a descer.

Anónimo 10.02.2017

E com isto, adeus Portugal!
Quando sairem os dados de Janeiro e Fevereiro deverá aparecer o couveiro Papagaio e o Adjunto Bosta dizer que a culpa é do Pai Natal e da OPEP.

pub