Bolsa Pharol recupera e PSI-20 acumula quarta semana de ganhos

Pharol recupera e PSI-20 acumula quarta semana de ganhos

Os títulos da Pharol, depois das fortes quedas registadas nas últimas sessões, recuperaram esta sexta-feira em bolsa, tendo subido mais de 8% ao longo da sessão. O PSI-20 terminou a valorizar 0,55%, o que permitiu registar a quarta semana consecutiva de ganhos.
A carregar o vídeo ...
Ana Laranjeiro 15 de dezembro de 2017 às 16:47

Numa Europa sem uma tendência definida, Lisboa terminou a última sessão da semana em terreno positivo. O PSI-20 ganhou 0,55% para 5.385,63 pontos, com 13 cotadas em alta e cinco em queda. No acumulado da semana, o principal índice da praça de Lisboa registou uma valorização de 0,47%, tendo tido a quarta semana consecutiva em alta.

Entre as restantes congéneres europeias não se verifica uma tendência definida, numa altura em que os líderes europeus consideram que estão reunidas as condições para as negociações entre Bruxelas e Londres passarem para a fase relacionada com a futura relação entre os dois blocos, uma vez concretizada a saída britânica da União Europeia.

Além disso, o clima de instabilidade política em Itália pode também estar a captar a atenção dos investidores. A expectativa é que o Parlamento seja dissolvido na semana entre o Natal e o Ano Novo e que as novas eleições legislativas sejam agendadas para o final do primeiro trimestre de 2018.

Em Lisboa, destaque para as acções da Pharol, BCP, EDP e Jerónimo Martins. A Pharol, que detém uma participação em torno de 27% na brasileira Oi, terminou a sessão com uma subida de 4,26% para 26,9 cêntimos, depois de ter registado um ganho máximo na sessão de 8,53%. A empresa, durante a sessão chegou a cair quase 9%, mas terminou a recuperar das fortes quedas recentes.

Este comportamento da antiga PT SGPS está relacionado com a quinta versão do plano de recuperação da Oi, apresentado esta semana, que parece ser o final, e que terá um impacto significativo nas participações dos actuais accionistas. A nova versão do plano de recuperação judicial vai permitir que a Oi reduza em 50% o valor da dívida, e caso a proposta seja aprovada na próxima semana, os credores vão controlar 75% do capital da operadora, com os actuais accionistas a sofrerem uma forte diluição das suas participações, incluindo a Pharol.

As acções do BCP terminaram a sessão desta sexta-feira a ganhar 1,15% para 26,3 cêntimos.

No retalho, a Jerónimo Martins valorizou 1,23% para 16,045 euros enquanto a concorrente Sonae disparou 3,29% para 1,163 euros.

No sector energético, a EDP ganhou 1,07% para 2,928 euros e a empresa de energia limpas, a EDP Renováveis cresceu 0,37% para 6,711 euros. A Galp Energia, por outro lado, recuou 1,02% para 15,50 euros, numa altura em que os preços do petróleo estão a subir nos mercados internacionais. O Brent do Mar do Norte, referência para Portugal, sobe 0,13% para 63,39 dólares por barril. A REN ganhou 0,71% para 2,422 euros.

A Nos terminou o dia a ceder 0,09% para 5,63 euros. Já a Mota-Engil subiu 1,14% para 3,72 euros.

 

(Notícia actualizada às 16:57)




A sua opinião40
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
comentar
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
mais votado BCP: 0,263€! Obrigado Dr. Nuno Amado 15.12.2017

De volta a valores muito próximos de máximos de 2017, que devemos de novo ultrapassar na próxima semana. Temos vindo a subir de forma sustentada desde o AC. Já estamos acima do meu preço médio mas vou aguentar mais um bocado porque acredito que o BCP está no bom caminho. E o mercado está a reconhecer isso. Tenho 650.000 acções, mais de metade compradas no AC e com um preço médio de 0,2375€. Muito obrigado Dr. Nuno Amado por ter recuperado o banco e as minhas economias. Um accionista muito reconhecido.

comentários mais recentes
Anónimo 16.12.2017

onde anda o doidão do criador de toiros....
eu adoro que ele escreva aqueles comentários búe da longos....
porque anima aqui o pessoal

BCP : é TUDO um PUTEDO sr ALFREDO 16.12.2017





MAS será possivel que com TANTAS boas noticias com as SUBIDAS HOJE dos RATINGS do MILENIUM BCP e de PORTUGAL e nem ASSIM DEIXAM o BCP SUBIR isto é que é uma CAMBADA é um PUTEDO SR ALFREDO é o que É

Re: eu também sou doido 16.12.2017

Não provoques o Criador de Touros pois qualquer vais dentro.
Já agora aproveita e pede desculpas à Dra Paula Brito da Costa pois ela quer que o país lhe peça desculpas e tu como bom cidadão que és, deves fazê-lo.

eu também sou doido 16.12.2017

onde anda o bardarmerdas do direitista que não percebe de bolsa mas sim de pichotas criador de toiros
sempre a criaticar a esquerda esse malucão varrido, com psicopatia grave
melhor governo pós 25 de Abril de 1974 a governar Portugal, mas a dor de cotevelo é bem grande.
que se meta noutra no bcp, que depois não serão 8 ou 9 anos a ficar encavado, mas sim para o resto da vida
falta-lhe o juizo todo.

ver mais comentários
pub