Petróleo Preço dos combustíveis vai voltar a descer

Preço dos combustíveis vai voltar a descer

Depois dos preços terem estabilizado esta semana, os combustíveis vão voltar a descer a partir de segunda-feira. A alta do euro continua a contribuir para reduzir a factura dos portugueses com os combustíveis.
Preço dos combustíveis vai voltar a descer
Bloomberg
Nuno Carregueiro 02 de fevereiro de 2018 às 15:25

Os preços dos combustíveis vão descer em Portugal a partir da próxima segunda-feira. As quedas serão apenas ligeiras e justificadas pela descida das cotações das matérias-primas e também pela alta do euro face ao dólar.

 

O preço médio da tonelada métrica de gasolina (em dólares) praticamente não mexeu esta semana. Contudo, em euros a queda rondou 0,5%. No caso do gasóleo, a cotação da tonelada métrica nos mercados (em euros) desceu mais de 1%.

 

Estas variações apontam para uma descida de 0,5 cêntimos no preço do litro da gasolina nos postos de abastecimento em Portugal, sendo que no caso do gasóleo a descida será idêntica.

 

Segundo os dados disponibilizados pela DGEG, na última segunda-feira o preço médio da gasolina simples em Portugal era de 1,517 euros por litro. Já o gasóleo está actualmente a ser vendido a 1,32 euros por litro.

 

Apesar da descida ligeira nos preços que vai ocorrer na segunda-feira, os combustíveis vão continuar mais caros do que no final do ano passado. O preço do gasóleo aumentou mais de 3% em 2018 e a gasolina ficou 2,5% mais cara.

 

De realçar que a evolução dos preços dos combustíveis é calculada pelo Negócios, tendo por base a evolução das matérias-primas e do euro. Fonte do sector confirmou que a subida dos combustíveis rondará estes valores, sendo que os preços e a dimensão da actualização dos mesmos depende de cada posto de abastecimento e da zona onde se encontra. 




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Jota Há 2 semanas

Voltar? Este ano só subiu, nunca baixou!

General Ciresp Há 2 semanas

Novo mes,novas idas ao mercado.Houpa casalinho,alanca q este mes e mais curto.