Bolsa PSI-20 acentua ganhos à boleia do BCP e Pharol

PSI-20 acentua ganhos à boleia do BCP e Pharol

A bolsa nacional tinha arrancado a sessão dando sinais de alguma volatilidade. Contudo, menos de duas horas e meia após o início da sessão, o PSI-20 ganha mais de 0,5%, à boleia do BCP e Pharol. Resto da Europa com sinal mais.
PSI-20 acentua ganhos à boleia do BCP e Pharol
Bloomberg
Ana Laranjeiro 10 de fevereiro de 2017 às 10:58

Os primeiros instantes de negociação da bolsa de Lisboa foram marcados por alguma volatilidade. Contudo, com o decorrer do dia o principal índice nacional tem vindo a acentuar os ganhos. Às 10:16, o PSI-20 ganhava 0,78% para 4.630,76 pontos, com 15 cotadas em alta e duas em queda.

A partir desta sexta-feira, 10 de Fevereiro, o principal índice da bolsa de Lisboa conta apenas com 17 cotadas, pelo menos até à próxima revisão, agendada para Março. No passado dia 8, a Euronext Lisbon emitiu um comunicado onde assinala que "na sequência dos resultados alcançados na Oferta Pública de Aquisição do CaixaBank sobre o BPI, e face à informação disponível à data, foi decidida a exclusão das acções do Banco BPI do índice PSI 20, com data efectiva a 10 de Fevereiro".

Entre as restantes praças europeias, o sentimento é sobretudo de ganhos, com os investidores animados pelos resultados positivos de empresas e pelos dados das exportações chinesas que ficaram acima do esperado. As exportações chinesas cresceram 7,9% em dólares, em Janeiro face ao mesmo período de 2016, de acordo com os dados preliminares. Este valor é o ritmo mais elevado em quase dois anos. O Stoxx 600, índice de referência, soma 0,21%.

Por cá, destaque para os títulos do BCP e da Pharol.


O BCP soma 2,73% para 15,07 cêntimos. Esta evolução tem lugar depois de ontem terem começado a negociar as novas acções do banco. Os títulos do banco liderado por Nuno Amado terminaram o dia a valorizar 0,48% para 14,67 cêntimos. A instituição financeira confirmou ontem que já pagou os 700 milhões de euros de ajuda ao Estado, uma operação "que marca o regresso à normalização da actividade do BCP" e que "tinha sido objecto de aprovação anterior pelo Banco Central Europeu, sujeita ao sucesso do aumento de capital que o BCP concluiu recentemente".

O Montepio cede 0,24% para 41,1 cêntimos.

A Pharol mantém a tendência de ganhos já registada nas últimas sessões. A empresa liderada por Palha da Silva soma 5,88% para 41,4 cêntimos. A brasileira Oi, companhia na qual a portuguesa tem uma posição de 27%, tem registado fortes ganhos, beneficiando das notícias relacionadas com a sua recuperação judicial. E a evolução desta empresa tem impulsionado as subidas da Pharol.

A Nos ganha 0,53% para 5,308 euros. Do lado dos ganhos está também a Navigator, que ontem comunicou ao mercado que aumentou os lucros em quase 11% no ano passado, subindo 1,40% para 3,549 euros. Ainda neste sector, a Semapa aprecia 0,46% para 13,16 euros e a Altri ganha 0,44% para 4,102 euros.


No retalho, a Jerónimo Martins soma 0,46% para 16,255 euros e a concorrente Sonae avança 0,61% para 82,8 cêntimos. Os CTT valorizam 0,63% para 4,945 euros.

Na energia, a Galp Energia cresce 0,36% para 13,85 euros, isto numa altura em que os preços do petróleo estão a subir nos mercados internacionais. O Brent do Mar do Norte, referência para Portugal, valoriza 1,19% para 56,29 dólares por barril.


No grupo EDP, a casa-mãe aprecia 0,29% para 2,807 euros e a EDP Renováveis ganha 0,28% para 6,126 euros. A REN, por outro lado, cede 0,11% para 2,64 euros.




A sua opinião33
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
mais votado DRuan Há 1 semana

Estou á espera de quando o BCP entrar de novo no MSCI Global e no Stoxx Europe 600. É ver isto subir... espero!!!

comentários mais recentes
Fábio Há 1 semana

Saudoso Criador de Touros, é verdade, há outro grupo de meia dúzia de pessoas, conhece-los todos, todos de confiança. Ninguém se interessa por identidades. Abraço.

ofon Há 1 semana

Também tenho acçoes cerca de 200 000 mil, fui aos 4 últimos AC e percebo pouco de bolsa, daí que já deveria ter saído há muito - mas nunca o poderia ter feito sem perdas grandes, por isso arrisquei mais esta vez e, desta vez, tenho acompanhado o forum que por vezes é mais elucidativo que o meu gestor de conta. Teresa

Anónimo Há 1 semana

Vou ver se faço uma brincadeira neste fim de semana...

LF Há 1 semana

Estou no barco dos lesados do BCP, pontanto contem comigo nessa associação!

ver mais comentários
pub
Saber mais e Alertas
pub
pub
pub