Bolsa PSI-20 no verde pelo terceiro dia apoiado por máximos da Galp e Navigator

PSI-20 no verde pelo terceiro dia apoiado por máximos da Galp e Navigator

A praça lisboeta negociou em alta pela terceira sessão seguida, num dia em que o sentimento se dividiu na Europa entre ganhos e perdas. Máximos da Galp Energia e da Navigator e subida da EDP apoiaram a bolsa nacional.
PSI-20 no verde pelo terceiro dia apoiado por máximos da Galp e Navigator
Miguel Baltazar/Negócios
David Santiago 25 de setembro de 2017 às 16:43

O PSI-20 fechou a sessão desta segunda-feira, 25 de Setembro, a somar ligeiros 0,06% para 5.313,09 pontos, com 10 cotadas em alta, seis em queda e duas inalteradas, no terceiro dia seguido em que a bolsa nacional transaccionou em terreno positivo. A bolsa lisboeta negociou em máximos de 21 de Julho.

 

Na Europa não houve uma tendência definida, com as principais praças do Velho Continente a dividirem-se entre ganhos e perdas. Já o índice de referência europeu, Stoxx 600, também negociou no verde pela terceira sessão consecutiva e à imagem do principal índice nacional também tocou em máximos de 21 de Julho durante a sessão.

Seja como for as principais praças europeias negociaram sem variações acentuadas no dia que marca a ressaca das eleições alemãs de domingo e em que a chanceler alemã, Angela Merkel, venceu pela quarta vez consecutiva. Os investidores mostraram-se expectantes em relação ao processo negocial agora iniciado tendo em vista a formação de um governo com apoio maioritário no Bundestag. Depois de O SPD ter posto de parte voltar a aliar-se à CDU de Merkel, a chanceler precisará concretizar um entendimento tripartido com Verdes e Liberais. Merkel mostrou-se "tranquila" e confiante de que haverá novo executivo até ao Natal. 

 

Por cá, o maior destaque vai para as subidas da EDP, da Galp Energia e da Navigator, com as duas últimas a transaccionarem em máximos. A eléctrica avançou 0,91% para 3,226 euros.

 

Já a petrolífera apreciou 0,37% para 14,955 euros, seguindo a tendência de fortes ganhos do sector petrolífero numa altura em que o Brent do Mar do Norte, negociado em Londres e utilizado como valor de referência para as importações nacionais valoriza 2,83% para 58,47 dólares por barril. A Galp registou o quarto dia seguido de ganhos tendo mesmo atingido a cotação mais alta desde Novembro de 2011 ao tocar nos 15,045 euros.

 

Nota de destaque ainda para a Navigator que ganhou 2,12% para 4,102 euros, numa sessão em que ao transaccionar nos 4,12 euros estabeleceu um máximo de Maio de 2015.

Também em alta negociou a Ibersol, que cresceu 1,04% para 13,12 euros, os CTT, que ganharam 0,59% para 5,08 euros, e a Altri, que subiu 1,55% para 4,184 euros.

Voltando ao sector energético, a tendência dividiu-se, com a EDP Renováveis a ceder 0,15% para 7,189 euros e a REN a somar 0,18% para 2,745 euros. 

O retalho fechou sem alterações, já que Jerónimo Martins e Sonae fecharam inalteradas nos 16,525 e 1 euro, respectivamente. 

A travar uma maior valorização do PSI-20 esteve o BCP que recuou 1,64% para 0,2274 euros. 

(Notícia actualizada às 16:50)




pub