PSI-20 com a maior subida em mais de seis meses
15 Junho 2012, 16:42 por Sara Antunes | saraantunes@negocios.pt
Enviar por email
Reportar erro
0
A bolsa nacional fechou a sessão a subir mais de 2,5%, o que corresponde ao maior ganho diário desde Novembro de 2011. A contribuir para esta variação estiveram as acções da Galp Energia, que valorizaram mais de 5%, da Jerónimo Martins e da EDP Renováveis, que disparou quase 6%.
O PSI-20 fechou a subir 2,60% para 4.563,15 pontos, com 18 acções a subirem e duas a caírem, num dia de recuperação para muitos títulos da bolsa nacional.

Entre os congéneres europeus a tendência também foi de ganhos, com os investidores expectantes em relação ao resultado das eleições da Grécia que vão decorrer este fim-de-semana. As notícias que deram conta de que os ministros das Finanças da Zona Euro estão preparados para a realização de uma teleconferência no domingo, logo a seguir às eleições gregas, e as indicações de que os principais bancos centrais mundiais estão preparados para agir em conjunto, deram algum ânimo aos investidores.

Assim, a bolsa nacional recuperou e subiu mais de 2%, um ganho que permitiu o principal índice nacional de anular as perdas acumuladas durante a semana e fechar os cinco dias de negociação com um saldo positivo de 0,75%.
A Galp Energia foi a acção que mais impulsionou o índice ao subir 5,06% para 8,93 euros, a recuperar parte das quedas recentes. Esta foi a primeira subida das acções da petrolífera em sete dias, nos seis dias anteriores, a Galp perdeu mais de 11%. As acções da petrolífera chegaram a tocar no valor mais baixo desde Março de 2009, ao transaccionar nos 8,551 euros.

A Jerónimo Martins também valorizou 2,05% para 14,20 euros, uma tendência que foi verificada pela generalidade dos títulos.

Em alta fechou também o grupo EDP, com a EDP Renováveis a destacar-se ao disparar 5,91% para 2,744 euros, tendo também tocado no valor mais baixo de sempre, ao negociar nos 2,596 euros. A EDP também ganhou 2,34% para 1,75 euros.

A banca também esteve em destaque, com o BCP a disparar 7,61% para 0,099 euros, o BPI a subir 8,85% para 0,492 euros, o BES a ganhar 0,99% para 0,51 euros e o ESFG a apreciar 0,58% para 5,18 euros.

Em queda fecharam apenas as acções da Brisa, ao perderem 1,93% para 2,485 euros, e da Cimpor, que cedeu 0,18% para 5,50 euros.


(Notícia actualizada às 16h55)
Enviar por email
Reportar erro
0
pesquisaPor tags:
alertasPor palavra-chave: