Mercados "Superstar" dos hedge funds lança produto para o retalho

"Superstar" dos hedge funds lança produto para o retalho

Novo produto é gerido pela brasileira Leda Braga, considerada a mais poderosa gestora de hedge funds do mundo.
"Superstar" dos hedge funds lança produto para o retalho
Reuters
Mariana Adam 13 de novembro de 2017 às 12:52

Uma das poucas estrelas femininas da indústria dos hedge funds acabou de lançar um produto na Europa destinado aos investidores do retalho, onde o fundo de investimento Old Mutual Global Investors (OMGI), do gestor Richard Buxton, investiu 120 milhões de dólares. Leda Braga, CEO da Systematica, diz que este novo produto oferece aos investidores uma maior diversificação do que o mercado global de acções e mais liquidez do que os hedge funds tradicionais.

De acordo com o Financial Times, que revela a notícia na edição desta segunda-feira, 13 de Novembro, a Systematica começou a comercializar este fundo para investidores e consultores europeus na semana passada, oferecendo uma taxa anual de gestão de 1%, valor que compara com a taxa média do mercado de cerca de 2%. Desde que foi revelado – e depois de confirmado o apoio da OMGI  - o fundo atraiu 5 milhões de dólares adicionais. 


O novo fundo chamado  Systematica Alternative Risk Premia strategy (SARP) é a versão de retalho de um outro baseado nas ilhas Caimão que a empresa liderada por Leda Braga - considerada a mais poderosa gestora de hedge funds do mundo -  lançou em Março. Esta versão de retalho está associada a uma estrutura de fundos de investimento europeus conhecida como Ucits, o que significa que pode ser negociado diariamente e está domiciliado em Dublin, acrescenta o jornal britânico. O fundo segue uma estratégia alternativa de prémios de risco que pretende reproduzir os retornos dos hedge funds gerados pelos movimentos do mercado, conhecidos como beta.

De acordo com a JP Morgan, os activos globais em fundos de risco alternativos, como este, aumentaram de 2 mil milhões de dólares em 2010 para cerca de 94 mil milhões no final de Junho de 2017. 

"Existe uma clara procura dos investidores de retalho que querem ter acesso a esta estratégia" afirmou Leda Braga. A tendência de crescimento deste tipo de produtos representam uma ameaça para os gestores tradicionais de hedge funds, já que usam sobretudo a tecnologia para replicar as suas estratégias, com custo bastante inferiores aos tradicionais. 

Jonathan Miller, da empresa de dados Morningstar, disse que o crescimento do mercado de estratégias de fundos de hedge oferecidos em produtos de retalho estava a colocar uma pressão significativa sobre as taxas tradicionais de hedge funds."




pub