Bolsa Tensão geopolítica dá perdas a Wall Street

Tensão geopolítica dá perdas a Wall Street

As bolsas dos Estados Unidos estão a negociar em queda, devido as escalar da tensão que envolve a Coreia do Norte. Investidores afastam-se das acções.
Tensão geopolítica dá perdas a Wall Street
Reuters
Rita Faria 29 de agosto de 2017 às 14:50

As bolsas norte-americanas abriram em queda esta terça-feira, 29 de Agosto, acompanhando o pessimismo que domina os mercados, depois de a Coreia do Norte ter lançado um míssil balístico que sobrevoou o norte do Japão, aumentando os receios em torno do regime de Pyongyang.

 

O índice industrial Dow Jones perde 0,31% para 21.740,76 pontos, enquanto o tecnológico Nasdaq desce 0,43% para 6.255,74 pontos. Já o S&P500 desvaloriza 0,36% para 2.435,35 pontos.

 

Numa declaração escrita, o presidente norte-americano Donald Trump disse que tais "acções ameaçadoras e desestabilizadoras" só aumentam o isolamento do regime de Pyongyang na região e em todo o mundo.

 

O líder da Casa Branca sublinhou que as acções da Coreia do Norte mostram "desprezo pelos vizinhos" e que "todas as opções estão em cima da mesa" em relação à possível resposta norte-americana perante as manobras do regime liderado por Kim Jong-Un.

 

As preocupações com o escalar da tensão estão a levar os investidores a fugir dos mercados bolsistas e a refugiarem-se em activos considerados mais seguros, como é o caso do ouro, que negoceia em máximos de Novembro do ano passado. 

Por outro lado, os investidores continuam a avaliar o potencial impacto do furacão Harvey, que continua a devastar o Texas e Louisiana.

 

"Os efeitos do furacão Harvey continuarão a ser significativos. Terá um impacto económico sério, mas a dimensão desse impacto ainda não é clara", refere Naeem Aslam, analista da Think Markets UK, citado pela Reuters. 


(Notícia actualizada às 14:56)




A sua opinião2
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
O SANTANDER VAI ENGOLIR o bcp 29.08.2017

O SANTANDER VAI APROVEITAR o preço miseravel em que os SHORTS deixaram o milenium bcp e vai ENGOLIILO

Anónimo 29.08.2017

comprar bcp ehehehheheh

pub