Obrigações Tesouro volta a emitir dívida na próxima semana

Tesouro volta a emitir dívida na próxima semana

O IGCP vai realizar um novo leilão de dívida para tentar captar até 1.000 milhões de euros. A dívida será emitida com uma maturidade a 10 anos.
Tesouro volta a emitir dívida na próxima semana
Bruno Simão
Sara Antunes 08 de setembro de 2017 às 13:32

"O IGCP, E.P.E. vai realizar no próximo dia 13 de Setembro pelas 10:30 horas um leilão da OT com maturidade em Abril de 2027 (OT 4,125% 14abr2027), com um montante indicativo entre 750 milhões e 1.000 milhões de euros", pode ler-se na nota emitida esta sexta-feira, 8 de Setembro, no site do Tesouro.

O IGCP vai assim voltar ao mercado para emitir dívida de longo prazo. A última emissão de Obrigações do Tesouro a 10 anos foi em Maio, com a agência a emitir 632 milhões de euros, tendo pago uma taxa de juro de 3,386%.

No mercado secundário, a taxa de juro associada à dívida portuguesa está a subir 6,2 pontos base para 2,810%, tendo chegado a descer esta manhã para mínimos de Agosto de 2016. Apesar de não serem estes os juros pagos pelo Tesouro, o valor a que negoceiam as taxas de juro no mercado secundário servem de referência para se perceber a evolução do mercado.

 

Portugal regressa assim às emissões de longo prazo, depois de na última sexta-feira a Moody’s ter melhorado a perspectiva para a dívida portuguesa, colocando o outlook em "positivo", o que abre portas a uma subida futura do "rating" do país, o que se acontecer retira Portugal do patamar considerado "lixo".


(Notícia actualizada às 13:46 com mais informação)




A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo Há 2 semanas

"vai tentar captar 1000 milhões" e vai conseguir, depois quem paga é o zé-povinho.

pub