Mercados Valor aplicado em certificados supera pela primeira vez os 25.000 milhões de euros

Valor aplicado em certificados supera pela primeira vez os 25.000 milhões de euros

Em Abril, os portugueses continuaram a apostar em certificados de poupança do Estado. As subscrições líquidas foram de 218 milhões de euros.
Valor aplicado em certificados supera pela primeira vez os 25.000 milhões de euros
Rui Barroso 19 de maio de 2017 às 12:32

Há quatro anos que todos os meses entra mais dinheiro em certificados de poupança do que o valor que é resgatado. Esta apetência dos portugueses por estes instrumentos de poupança que servem para financiar o Estado levou o valor total aplicado nestes produtos a superar os 25.000 milhões de euros pela primeira vez.



Em Abril, o valor líquido captado por estes produtos foi 218,4 milhões de euros, segundo dados revelados esta sexta-feira pela agência que gere o crédito público, o IGCP. Desde Novembro de 2015 que todos os meses estes produtos atraem, em termos líquidos, mais de 200 milhões de euros.

Mas, após o fim do bónus dos Certificados de Aforro no final de 2016, os aforradores continuam a fazer uma distinção entre este produto e os Certificados do Tesouro Poupança Mais (CTPM). Em Abril os CTPM tiveram subscrições líquidas de resgates no valor de 301 milhões de euros, com o total aplicado neste produto a situar-se em 12.831 milhões de euros. Em Março, os CTPM tinham superado pela primeira vez o montante total aplicado em CA.

Já os CA continuam a perder investimento. O "stock" diminuiu 82 milhões de euros em Abril para 12.384 milhões de euros.




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Conselheiro de Trump 20.05.2017

Veio um a noticia a publico neste jornal q me deixou diminuido:o porto paga mais q o benfica pelos 30.000.000 q foi buscar ao mercado.Logo de seguida tambem pensei:secalhar o porto e mais rico e como tal pode pagar mais.Ja nao faltara muito tempo em q a procura nao cubra as obrigacoes,Pobre supers.

JP 19.05.2017

25.000 milhões em peixinho miúdo ?? Vá lá, só mais um esforço. A seguir já podemos falar em restruturação de dívida. Os grandes já começaram a dividir o mal pelas aldeias, enfim

25.000 milhões ??? 19.05.2017

25.000 milhões??? Ui ui ui

pub
pub
pub
pub