Câmbios Valorização das moedas digitais tornam tímida a subida da bitcoin

Valorização das moedas digitais tornam tímida a subida da bitcoin

Pode esquecer as acções dos EUA e os activos dos mercados emergentes e até mesmo ignorar a bitcoin. Aqueles que têm coragem suficiente para investir no Velho Oeste da tecnologia estão a ganhar dinheiro à séria.
Valorização das moedas digitais tornam tímida a subida da bitcoin
Bloomberg 06 de junho de 2017 às 17:30

O rali da bitcoin cativou os mercados, mas a procura por outras moedas digitais está a aumentar num momento em que as empresas estão a levantar milhões em minutos, ou até mesmo em segundos, com investidores que querem participar na próxima grande startup de tecnologia.

 

O co-fundador da Mozilla, Brendan Eich, só precisou de 30 segundos para emitir cerca de 35 milhões de dólares em basic attenton tokens, unidade de troca de uma plataforma de publicidade baseada em blockchain construída com base no navegador Brave da companhia.

 

A média de preço dos tokens digitais ligados à plataforma de blockchain emitidos neste ano mais que duplicou desde o início das negociações, segundo dados compilados pela Bloomberg. As startups de tecnologia estão a vender cada vez mais moedas que podem ser usadas nos seus projectos em vez de recorrerem a métodos de financiamento tradicionais, como capital de risco.

 

O sector não é apto para cardíacos. As aplicações e websites por detrás da maioria destes tokens ainda estão em estágio de desenvolvimento. A maioria é vendida por centavos de dólar e a volatilidade pode ser extrema. O TaaS, um fundo de investimento fechado dedicado aos mercados de blockchain, viu as moedas que vendeu neste ano duplicarem de preço em cinco semanas e depois caírem 35% em dois dias.

 

Mas se o investidor é capaz de suportar o risco, as recompensas podem ser significativas. As moedas das 15 ofertas iniciais de moedas (ICO, na sigla em inglês) deste ano para as quais há dados disponíveis subiram em média mais de 100%, enquanto as acções vendidas em ofertas públicas iniciais (IPO, na sigla em inglês) nos EUA neste ano apresentaram um ganho de 13% em média desde que começaram a ser negociadas.

 

"A procura por moedas tem sido impressionante", disse Ron Quaranta, presidente do conselho da Wall Street Blockchain Alliance. "É claro que boa parte dela baseia-se na especulação e em operadores que querem ganhar dinheiro rapidamente, mas há também um motor fundamental, que é a expectativa de amadurecimento do mercado de moedas digitais."

 

44 moedas foram emitidas este ano, segundo o website de pesquisa sobre blockchain Smith & Crown. Nem todas são negociadas imediatamente após os leilões, considerando que algumas têm períodos de aquisição. Os tokens que apresentaram maior ganho, um salto de 500% desde que começaram a ser negociados, a 30 de Março, foram emitidos pela Edgeless, que está a construir uma plataforma de apostas descentralizada. Esta venda não foi aberta aos investidores nos EUA porque a companhia não tem licença para operar no país.

 

A plataforma de previsão de mercado Gnosis vendeu os tokens com a maior avaliação este ano. O token GNO começou a ser negociado a 52 dólares no 1.º de Maio e mais do que quadruplicou de valor.

 

Mesmo com a crescente aceitação do blockchain em empresas como a Toyota Motor e a JPMorgan, alguns defensores da tecnologia afirmam que estão cautelosos com os tokens digitais devido à excitação em torno do mundo das moedas criptografadas.

 

"Parece ser algo passageiro, e como investidores profissionais, não é isso que fazemos", disse David Dunn, presidente da Kingsbridge Wealth Management, que comprou bitcoins pela primeira vez em 2014 e investiu em empresas relacionadas ao blockchain.

 

"Eu preferiria investir nas companhias que usam a tecnologia em si. Os especuladores podem acabar por estar certos e isso pode se tornar um investimento sólido devido ao poder da tecnologia, mas não estamos nessa fase."

 

Título original em inglês: Digital Coins Are Making Bitcoin’s Rip-Roaring Rally Appear Tame


A sua opinião1
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
BCP diga lá 0.33 é daqui a 9 DIAS Há 3 semanas


BCP DIGA 0.33 é daqui a 9 dias quando a FINTCH subir os RATINGS do MILENIUM BCP e de PORTUGAL

pub