Wall Street sobe na expectativa de intervenção conjunta dos bancos centrais
15 Junho 2012, 21:22 por Sara Antunes | saraantunes@negocios.pt
2
Enviar por email
Reportar erro
0
Os principais índices bolsistas dos EUA encerraram a valorizar, a reflectir a especulação em torno de uma acção conjunta dos principais bancos centrais.
O Dow Jones subiu 0,91% para 12.767,17 pontos, o Nasdaq avançou 1,29% para 2.872,80 pontos e o S&P500 apreciou 1,03% para 1.342,81 pontos. Os investidores reflectiram nos índices bolsistas dos dois lados do Atlântico as notícias que apontam para que os bancos centrais estejam preparados para actuar em conjunto de forma a impulsionar a economia mundial.

Estas notícias surgiram a dois dias de decorrerem as eleições na Grécia. Eleições que os investidores aguardam com alguma expectativa, já que a ausência de um governo de maioria que ponha em prática os compromissos assumidos com a troika põe em causa o financiamento de Atenas e a estabilidade do euro.

Já se sabe que os ministros das Finanças da Zona Euro estão a postos para discutirem os resultados das eleições via teleconferência logo no sábado.

As acções da banca foram das que mais subiram, com a expectativa da intervenção conjunta dos bancos centrais. O Bank of America ganhou 3,13% para 7,90 dólares e o Citigroup avançou 1,43% para 28,31 dólares.

Em destaque estiveram as acções do Facebook, que regressaram aos 30 dólares no dia em que a empresa admite que o preço do IPO foi mais alto do que o “preço justo”. O Facebook disse aos reguladores que o primeiro intervalo apontado para o valor do IPO, entre 28 e 35 dólares, estava mais perto do preço justo, projectado em 30,89 dólares, de acordo com uma nota publicada esta sexta-feira pelo regulador de mercado dos EUA, a SEC, citado pela Bloomberg.

As acções da empresa dona da maior rede social do mundo fecharam a subir 6,09% para 30,014 dólares.
2
Enviar por email
Reportar erro
0
pesquisaPor tags: