Obrigações Presidente da República já esperava manutenção do rating pela DBRS

Presidente da República já esperava manutenção do rating pela DBRS

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, afirmou que já esperava que a agência de notação financeira DBRS mantivesse o rating da dívida pública portuguesa, com perspectiva estável.
Presidente da República já esperava manutenção do rating pela DBRS
Miguel Baltazar
Lusa 29 de abril de 2016 às 20:35

"Fiquei muito satisfeito. Já esperava que isso acontecesse. Significa que não há razão para alarmismo nem para haver uma visão pessimista em termos financeiros quanto à situação portuguesa", declarou esta sexta-feira o chefe de Estado aos jornalistas, no final de uma visita à Faculdade de Belas Artes, em Lisboa.

 

Marcelo Rebelo de Sousa acrescentou que esta "é uma boa notícia" para Portugal, porque a agência canadiana DBRS "é fundamental em termos da dívida pública portuguesa".

 

Questionado sobre por que motivo já esperava esta decisão da DBRS, o Presidente salientou que "a Comissão Europeia aceitou o Orçamento do Estado para 2016" e considerou que "há condições para a Comissão Europeia aceitar globalmente os dois documentos que passaram na Assembleia da República" esta semana, Programa de Estabilidade e Programa Nacional de Reformas.

 

"Vamos avançar para a preparação do Orçamento do Estado para 2017. Portanto, nesta altura não há nenhuma razão para questionar a situação financeira que pudesse levar a um juízo negativo da agência canadiana", defendeu Marcelo Rebelo de Sousa.




A sua opinião3
Este é o seu espaço para poder comentar o nosso artigo. A sua opinião conta e nós contamos com ela.
Faltam 300 caracteres
Negócios oferece este espaço de comentário, reflexão e debate e apela aos leitores que respeitem o seu estatuto editorial, promovam a discussão construtiva e combatam o insulto. O Negócios reserva-se ao direito de editar, apagar ou mesmo modificar os comentários dos seus leitores se atentarem contra o bom senso e seriedade.O acesso a todas as funcionalidades dos comentários está limitada a leitores registados e a Assinantes.
comentar
comentários mais recentes
Anónimo 02.05.2016

Realmente Marcelo faz-me lembrar aquele casal que vai na estrada em sentido contrario , e diz para a mulher!!! Meu Deus que estupidos!!! Vão todos a conduzir na linha contraria, não tarda podem causar um acidente , e lá vão felizes e contentes , assim é Marcelo com a giringonça

Ex.v.PSD 30.04.2016

Passos não tem futuro tem que imigrar e não seja piegas.

Anónimo 29.04.2016

O professor por certo esta esquecido de que ha um ditado que diz:de pequenino se torce o pepino.Nao comprendo como e que tudo esta comecado torto e para ele esta tudo direito.Mal vai aquel casal que leva tudo sobre rodas,quando o tudo ja nem radas tem.

pub
pub
pub
pub