Juros da dívida portuguesa a 10 anos pelo quarto dia consecutivo acima dos 7%
11 Setembro 2013, 10:17 por Jorge Garcia | jorgegarcia@negocios.pt
8
Enviar por email
Reportar erro
3
As taxas de juro implícitas nas obrigações portuguesas estão pelo quarto dia acima dos 7%, no prazo a 10 anos. No resto da Europa a tendência é indefinida, com os juros da Itália e da Alemanha a acompanharem a subida portuguesa, mas com a “yield” francesas e espanholas a registarem quedas.

As “yields” das obrigações portuguesas estão a subir em todos os prazos, mantendo-se acima dos 7% a 10 anos pelo quarto dia consecutivo. Neste prazo, a subida é de 1,5 pontos base para 7,121%. Os juros continuam assim acima da barreira psicológica dos 7%, depois de se terem colocado acima desta fasquia devido aos receios em torno da retirada de estímulos económicos por parte da Reserva Federal (Fed) dos EUA. A crise política em Portugal e o chumbo do Tribunal Constitucional ao diploma da requalificação dos funcionários públicos também tem pressionado os juros.

 

No prazo a dois anos, a subida desta quarta-feira é de 1,3 pontos base para 5,312%, tal como acontece no prazo a cinco anos, que regista também uma subida de 1,3 pontos base para 6,591%.

 

Em Espanha, o movimento de alívio é ainda mais moderado, com as taxas a variarem entre uma subida de 0,3 pontos no prazo a cinco anos, e uma descida de 2,0 pontos no prazo a 15 anos. Em Itália a tendência é semelhante. A queda dos juros varia entre 0,2 pontos e 1,1 ponto.

 

Tal como Portugal e a registarem subidas estão a Alemanha e a Itália. As taxas das “bunds” alemães estão a subir 4,8 pontos base a 10 anos para 2,074%, encontrando-se a tocar em máximos de 9 de Dezembro de 2011, quando atingiu os 2,149%. Em Itália, as taxas de juro estão a subir 0,5 pontos base para 4,538%, mantendo-se acima da “yield” das obrigações espanholas, algo que aconteceu ontem, terça-feira, pela primeira vez desde Março de 2012.

 

No lado oposto estão as taxas de juro implícitas nas obrigações francesas. Os juros da dívida de França a 10 anos recuam 0,6 pontos base para 2,625%. Em Espanha, a “yield” a 10 anos mantém-se inalterada nos 4,514%, apesar de em todos os restantes prazos as taxas de juro estarem a cair.

8
Enviar por email
Reportar erro
3
pesquisaPor tags:
alertasPor palavra-chave: