Empresas Gazela 2018 Portugal 2020 contribui para desempenho das empresas gazela

Portugal 2020 contribui para desempenho das empresas gazela

Políticas públicas e o apoio dos fundos europeus têm contribuído para o desempenho económico das empresas gazela.
Portugal 2020 contribui para desempenho das empresas gazela

Um terço das empresas gazela apresentou candidaturas no âmbito dos Sistemas de Incentivos do Portugal 2020 (2014-2020), sendo 75% enquadradas no Programa Operacional Regional CENTRO 2020.

As candidaturas destas empresas aos Sistemas de Incentivos do Portugal 2020 representam intenções de investimento de cerca de 114 milhões de euros. O Sistema de Incentivos Qualificação e Internacionalização das PME foi o que obteve maior procura, com 33 candidaturas apresentadas (52% do total) e 11 milhões de euros de investimento.

 

O Sistema de Incentivos à Inovação foi o que apresentou o maior volume de investimento, com 66 milhões de euros (58% do total), mas apenas com 13 projectos candidatos.

 

No final de 2017, em termos de projectos aprovados, 66% das empresas gazela que se candidataram aos Sistemas de Incentivos do Portugal 2020 estão já a ser apoiadas. É um total de 31 projectos (24 dos quais no CENTRO 2020), que representam 21 milhões de euros de investimento elegível e 12 milhões de euros de incentivo.

 

Os Sistemas de Incentivos à Qualificação e Internacionalização das PME (58%) e à Inovação (29%) representam, no seu conjunto, 87% dos projectos aprovados, correspondendo a 19 milhões de euros de investimento elegível e 10 milhões de euros de incentivos.

 

Os projectos aprovados traduzem ainda uma aposta nas prioridades de investimento relacionadas com o desenvolvimento e a aplicação de novos modelos empresariais para as PME (PI 3.2) e no apoio à criação e ao alargamento de capacidades avançadas de desenvolvimento de produtos e serviços.

 

A procura e o comportamento das organizações nos sistemas de incentivos às empresas do Portugal 2020 constituem uma importante informação para avaliar, monitorizar e posicionar os territórios e as estratégias regionais.